NOTÍCIAS
18/02/2015 10:13 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Torcedores do Chelsea cantam música racista e impedem homem negro de embarcar em metrô de Paris (VÍDEO)

Torcedores do Chelsea deram um péssimo exemplo em Paris, onde o time inglês disputou o primeiro jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Paris Saint-Germain, na última terça-feira (17). Eles impediram que o homem negro entrasse no metrô, e entoaram cantos racistas durante o ato.

“Nós somos racistas, nós somos racistas e é assim que a gente gosta”, cantaram os torcedores, cuja identificação ainda não foi feita pelas autoridades. Em nota, o Chelsea condenou a atitude dos torcedores, defendeu que todos sejam punidos criminalmente e, caso sejam sócios, o clube promete expulsá-los do quadro associativo.

Todo o incidente foi filmado na estação Richelieu-Drouot do metrô parisiense por um britânico, Paul Nolan, que repassou o material ao jornal inglês The Guardian.

“Ele (homem negro) ficou completamente chocado quando foi empurrado para fora. Eu não acho que ele tenha percebido quem eles eram. Ele então tentou entrar novamente e foi empurrado uma segunda vez”, descreveu Nolan ao jornal.

De acordo com o The Guardian, o Chelsea corre o risco de ser punido pela Uefa por conta do incidente com os seus torcedores, que também entraram em confronto com a polícia francesa antes da partida, nos arredores do estádio Parque dos Príncipes, onde o time inglês empatou em 1 a 1 com o PSG.

LEIA TAMBÉM

- Ex-técnico da Itália critica presença de 'jogadores de cor' no futebol local

- Discussão em metrô de Londres aponta caso de racismo: "Você tem um problema porque vocês costumavam ser escravos"

- Brasileiro é alvo de racismo no Uruguai durante Sul-Americano Sub-20