NOTÍCIAS
18/02/2015 15:39 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

12 bibliotecas vazias (e incríveis) pelo mundo

Photographer Frank Bohbot

Franck Bohbot é francês e aprecia o simples prazer de ler livros (físicos, em sua maioria). Amante da arte e da fotografia, ele decidiu fazer de seu trabalho como fotógrafo uma diversão:ele viajou por vários países para registrar como são as maiores e mais lindas bibliotecas do mundo, só que vazias. E quem disse que para ter vida, uma ambiente assim precisa de pessoas? Eis a resposta:

Batizada de "House of Books" (A casa dos livros), Bohbot já passou por Paris, Nova York e Boston. Segundo o mymodernmet.com, o projeto ainda está em andamento, porém, em seu site, o fotógrafo já disponibiliza parte do ensaio.

Franck é conhecido pela simetria em suas fotografias. Além de bibliotecas vazias, ele já fez um ensaio em cinemas vazios, teatros, estações de trens, museus, quadras e até piscinas. Veja as imagens abaixo e inspire-se:

  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Universitária de Sorbonne, Paris
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Nacional da França, Paris
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Angelica, Roma, Italia
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Vallicelliana, Roma, Itália
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Universitária de Sorbonne, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Mazarine, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Universitária de Sorbonne, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Universitária de Sorbonne, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    BNF Site François Mitterrand, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Mazarine, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Biblioteca Sainte Geneviève, Paris, França
  • Photographer Frank Bohbot
    Boston Public Library, Boston, EUA