NOTÍCIAS
27/01/2015 15:22 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Héteros descobrem o que é homofobia quando passeiam de mãos dadas pelas ruas (VÍDEO)

Sim, a homofobia existe. Quer ver?

O apresentador da rádio BBC Three Counties Iain Lee e um amigo resolveram fazer um experimento social bastante simples: passear de mãos dadas pelas ruas da cidade inglesa de Luton e filmar as expressões das pessoas ao redor. A ideia surgiu depois que um rapaz contou a Lee os horrores que ouviu em um trem pelo simples fato de ser gay. Ele ficou chocado com as revelações do cara.

 

As reações são — infelizmente — previsíveis. A dupla recebe olhares de estranhamento e um homem, inclusive, puxa o filho para perto de si. Como se ser gay fosse doença contagiosa. Um outro cara fez ruídos de desaprovação e, confrontado pela dupla, disse:

"Acho isso [dois homens andando de mãos dadas] nojento."

Alguém próximo tenta explicar o que o rapaz quis dizer:

"Ele não concorda com a homossexualidade (...) Eu não sou contra gays, mas não gosto disso na minha cara. Eu fico meio constrangido se vocês dois se abraçam e se beijam. Eu me sinto meio estranho, mas este é o máximo que chega. Eu não fico, tipo, 'ah, meu Deus, eu queria nunca ter de ver isso'. Eu não sou mente fechada dessa forma."

Um terceiro opina quando Lee pergunta qual é o problema em demonstrar amor:

"Eu acho errado quando dois homens... Argh! Acho nojento."

Isso tudo em 10 minutos de passeio de mãos dadas.

O amigo de Lee comenta algo mais crítico: "Eu percebi que isso [a intolerância] partiu de caras jovens! Se fossem de pessoas velhas, que estivessem tentando mudar de opinião ao longo dos anos, eu poderia, de alguma forma, compreender. Mas não, eram caras jovens! São o futuro [do mundo]!"