NOTÍCIAS
14/01/2015 17:10 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

Escola Internacional de Cinema e TV de Cuba abre inscrições para estudantes brasileiros

Reprodução / Facebook

A Escola Internacional de Cinema e TV de Cuba está com inscrições abertas para estudantes brasileiros. Interessados devem se inscrever, até o dia 7 de março. Entre quatro e seis estudantes brasileiros serão selecionados para o curso, que vai de setembro de 2015 a julho de 2018.

Serão oferecidas especializações em oito áreas: Direção, Produção, Roteiro, Fotografia, Som, Documentário, Edição e TV e Novas Mídias.

A instituição fica em San Antonio de los Baños, a cerca de 40 km da capital Havana, e é considerada um dos melhores centros de formação audiovisual do mundo. O jornalista e escritor colombiano Gabriel Garcia Marquez está entre seus fundadores.

Os selecionados vão integrar um grupo de 40 estudantes do mundo inteiro, especialmente da América Latina.

Serão aplicadas provas nos dias 13 e 14 de março em cinco cidades: Belo Horizonte (MG), Recife (PE), Florianópolis (SC), Belém (PA) e Brasília (DF).

Como funciona o processo seletivo?

O candidatos devem ter entre 22 e 29 anos (nascidos entre 1985 e 1993) e deverão preencher e enviar por e-mail (para eictvbrasil@gmail.com) a ficha de inscrição, indicando o local onde desejam fazer os exames.

No dia da prova, os interessados na vaga deverão levar:

- Cópia da ficha de inscrição

- R$ 50 para a taxa de inscrição – que será paga em dinheiro, no dia da prova

- Currículo impresso

- Carta de motivação em espanhol

- Autorretrato em qualquer suporte, técnica ou formato

- Portfólio pessoal

Serão aplicadas duas provas: uma de conhecimentos gerais e uma relativa à especialização escolhida pelo candidato. Os aprovados nos testes serão submetidos a uma entrevista no dia 15 de março.

Embora o processo seletivo seja todo em português, a seleção final será feita em Cuba, pelo Conselho Docente da EICTV.

A má notícia, no entanto, é que o curso é pago, e bem pago: cada ano acadêmico custa € 5.000 . Ainda assim, pode valer a pena, pois o Ministério da Cultura garante subsidio à matrícula dos alunos brasileiros. A ajuda de custo cobre integralmente a matrícula do segundo e terceiro anos e parte do primeiro ano do curso.

Os aprovados terão direito a hospedagem em quartos individuais, alimentação, transporte entre Havana e San Antonio de los Baños, assistência médica, material escolar e produção integral dos trabalhos em cinema e vídeo.

Mais informações podem ser encontradas nos sites EICTV Brasil, EICTV Pará, na Fanpage do Laboratório de Imagem e Registro de Interações Sociais - IRIS, do Departamento de Antropologia da UnB, nos sites da Associação Curta Minas / ABD-MG, do Canne / Fundação Joaquim Nabuco, do SINTRACINE / SC, da Cinemateca Catarinense e do Ministério da Cultura.