ENTRETENIMENTO
29/11/2014 12:30 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:53 -02

Lars von Trier: diretor de 'Ninfomaníaca' e 'Anticristo', cineasta teme não fazer mais filmes

Andreas Rentz via Getty Images
BERLIN, GERMANY - FEBRUARY 09: Director Lars von Trier attends the 'Nymphomaniac Volume I' (long version) photocall during 64th Berlinale International Film Festival at Grand Hyatt Hotel on February 9, 2014 in Berlin, Germany. (Photo by Andreas Rentz/Getty Images)

O diretor dinamarquês Lars von Trier teme que não poderá mais fazer filmes, agora que parou de beber e de usar drogas.

“Nenhuma expressão criativa de valor artístico foi jamais realizada por ex-alcoólatras ou ex-viciados em drogas”, afirmou von Trier ao jornal Politiken. Essa foi a primeira entrevista de Von Trier desde que os organizadores do Festival de Cannes o baniram do evento em 2011, após uma brincadeira do diretor de que era nazista em coletiva de imprensa para promover o filme Melancolia.

Leia mais: 8 cenas perturbadoras dos filmes de Lars Von Trier

A entrevista foi anunciada na primeira página do Politiken e consumiu sete páginas. Von Trier, que chocou a audiência com filmes de conteúdo sexual como Anticristo e Ninfomaníaca, afirmou que no domingo completará 90 dias sóbrio e que vai aos encontros dos Alcoólatras Anônimos todos os dias.

Leia mais:

Não veja! 13 filmes extremamente perturbadores

Lars von Trier se redime em segunda parte de Ninfomaníaca