COMPORTAMENTO
14/10/2014 20:26 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:04 -02

Série de fotografias 'Lost Boys' retrata a masculinidade de maneira suave e contemporânea (FOTOS)

Qualquer pessoa que já teve o privilégio de conhecer uma mulher de carne e osso, ou um homem de carne e osso, sabe que os padrões de gênero não correspondem exatamente às expectativas que temos deles. O clichê do homem como uma espécie de cowboy machão já ficou obsoleto há muito tempo, mas ainda assim, a enigmática influência da masculinidade, seja lá o que isso significa, persiste.

Na sua série 'Lost Boys' ("Garotos Perdidos"), a fotógrafa Liz Calvi retrata em uma nova geração de homens jovens, entre a infância e a maturidade, a masculinidade tradicional e algo diferente.

David, Brooklyn, NY 2013

"Iniciei esse projeto quando voltei a morar na casa dos meus pais, devido aos altos custos da universidade”, Calvi explicou ao Huffington Post. "Um monte de gente que eu conhecia do ensino médio estava fazendo a mesma coisa, e a princípio eu decidi fotografá-los porque estávamos vivendo experiências parecidas, e eu queria expressar como me sentia naquele momento da minha vida. À medida que o tempo foi passando e muitos saíram de casa, percebi que um grupo de amigos ainda continuava na mesma. Foi aí que decidi que queria fotografar aqueles amigos”.

Os personagens das fotos de Calvi, com 18 a 26 anos, foram fotografados dentro ou próximo das casas suburbanas dos pais, o lugar onde eles cresceram. Através do seu trabalho, Calvi examina a maneira em que uma coisa aparentemente simples, como voltar a morar com os pais, afeta a identidade da pessoa e a relação disso com os ideais ‘americanos’ de liberdade e felicidade. Suas imagens retratam o que muitas vezes é chamado de "geração Peter Pan", por recusarem-se a amadurecer, vivendo um pouco aquém da realidade, impossíveis de serem classificados em categorias tradicionais.

Booker, West Hartford, CT 2013

"Espero que as pessoas vejam um lado mais vulnerável e contemplativo desses garotos, ao invés de ver apenas todos os estereótipos sobre a nossa geração e os papéis do gênero masculino”, acrescentou Calvi. “Gostaria que o meu trabalho levasse as pessoas a uma reflexão sobre os valores que a nossa sociedade criou para os homens no que diz respeito ao ‘Sonho Americano’ e como isso influencia as ideias que temos de felicidade e liberdade. Eu espero que as pessoas possam sentir a beleza inquietante e o amor que eu sinto por esses garotos”.

Como uma mulher fotografando modelos masculinos, Calvi também desafia a tradição do olhar masculino no seu trabalho, complicando ainda mais o conceito de gênero no universo profissional. Não importa se você enxerga nas fotos dela algo revolucionário ou simplesmente encantador, existe alguma coisa sobre a suavidade nas imagens dessas figuras masculinas que prende a nossa atenção. Compartilhe nos comentários o que você achou das fotos dessa nova face da masculinidade.