NOTÍCIAS
10/10/2014 14:58 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:04 -02

Brasil bate dominicanas e vai invicto à semi no vôlei

Divulgação / FIVB

Classificada antecipadamente para as semifinais do Mundial de Vôlei, a seleção brasileira feminina manteve a sua campanha perfeita e avançou em primeiro lugar no Grupo H ao derrotar a República Dominicana por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/21 e 25/17, em partida realizada em Milão, na Itália.

O triunfo desta sexta-feira, além de garantir o Brasil em primeiro lugar na chave, assegurou a passagem da China para as semifinais, como segundo lugar do Grupo H. Assim, neste sábado, a seleção brasileira vai encarar a segunda colocada do Grupo G, enquanto as chinesas enfrentarão a líder da chave em confrontos que decidirão os finalistas do Mundial.

Ainda em busca do seu primeiro título mundial, o Brasil faz campanha perfeita na Itália, com 11 vitórias nas 11 partidas disputadas. Agora, o desafio será neste fim de semana, com a equipe dirigida por José Roberto Guimarães precisando de mais duas vitórias para ser campeão.

Nesta sexta-feira, o técnico escalou o Brasil com Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Fabiana e Thaísa, além da líbero Camila Brait. Além disso, Tandara, Natália, Adenízia e Fabíola entraram em quadra durante o duelo.

O Brasil não encontrou muitas dificuldades para superar a República Dominicana no primeiro set, quando contou com atuação inspirada de Fabiana, que marcou seis pontos. Logo no começo da parcial, a seleção brasileira abriu 5/2. E, com os vários erros cometidos pelas dominicanas, a vantagem foi ampliada para nove pontos - 16/7 - no segundo tempo técnico. Assim, sem qualquer problema, a parcial foi fechada em 25/19 com um ataque de Tandara, outro destaque brasileiro no set inicial.

Em vantagem, o Brasil também começou bem a segunda parcial e foi ao primeiro tempo técnico vencendo por 8/5. Com uma série de pontos de Sheilla, a equipe passou a liderar o placar por 16/10 e depois chegou a fazer 21/14. A equipe, porém, passou a cometer vários erros e permitiu a reação das dominicanas. Mesmo assim, o Brasil fechou a parcial em 25/21, com um ataque de Jaqueline, num set em que Sheilla marcou oito pontos.

O terceiro set da partida teve um começo bastante equilibrado, tanto que o Brasil foi ao primeiro tempo técnico com uma vantagem mínima, de apenas um ponto (8/7). Depois, porém, as brasileiras deslancharam com o bom desempenho no bloqueio e no saque, fazendo 19/11. Assim, sem sustos, o Brasil fechou a parcial em 25/17, com um ataque de Fernanda Garay, e o jogo em 3 a 0, para ampliar a sua campanha perfeita no Mundial de Vôlei.