NOTÍCIAS
14/09/2014 13:04 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

Para angariar votos dos jovens, Ronaldo Fenômeno participa de campanha do amigo Aécio no Rio de Janeiro

MARCOS DE PAULA/ESTADÃO CONTEÚDO

Terceiro lugar na corrida presidencial, o senador Aécio Neves (PSDB) recorreu ao amigo e ídolo do futebol Ronaldo Nazário para dar uma turbinada na reta final de sua campanha.

Neste domingo (14), o Fenômeno acompanhou o tucano no lançamento do livro Um país chamado favela, de Renato Meirelles e Celso Athayde, no Rio de Janeiro.

O evento, na sede da Central Única das Favelas (Cufa), em Madureira, reuniu dezenas de jovens e moradores de favelas.

Desde o período da pré-campanha, Aécio busca se aproximar do público jovem, com vídeos mostrando o programa de educação integral que ele implementou em Minas Gerais enquanto era governador.

O senador ainda não conseguiu convencer esse eleitorado; ele é apenas o terceiro na preferência dos eleitores de 16 a 24 anos, de acordo com pesquisa Datafolha. Com 15% das intenções de voto nessa faixa etária, está bem atrás de Marina Silva (PSB), com 38%, e Dilma Rousseff (PT), com 32%.

Por isso, a cúpula da campanha de Aécio tem escalado mais celebridades próximas a ele, que são formadoras de opinião de adolescentes e jovens adultos, para declarar publicamente apoio ao tucano.

Em maio, Ronaldo postou uma foto de apoio à candidatura de Aécio no Instagram. Mas é só agora, a duas semanas do pleito, que ele embarcou de vez na campanha de rua do mineiro.

Assim como Dilma, que dançou funk com os mineiros, Aécio e o Fenômeno arriscaram passos durante apresentação de capoeira dos cariocas no evento.

Photo gallery O Dueto de Aécio e Ronaldo See Gallery