Oito lições de vida que você pode aprender com Bruce Springsteen (FOTOS)

“Born To Run” foi lançado em 25 de agosto de 1975, e o disco vendeu milhões de cópias para “vagabundos como nós” ao redor do globo.

Numa turnê subsequente, Springsteen viveu famosamente o título do disco (“Born to Run”, que pode ser traduzido como “nascido para fugir” ou “nascido para correr”), pulando a cerca de Graceland e correndo para a porta da casa de Elvis.

Infelizmente, Elvis não estava em casa, e a segurança expulsou Springsteen antes que ele conseguisse bater na porta. Mas, como ele explicaria depois, em outro show:

Me perguntava o que teria dito se tivesse batido na porta e Elvis atendesse. Porque eu não tinha ido ver Elvis, mas foi como se ele tivesse aparecido e sussurrado uma espécie de sonho no ouvido de todo mundo, e todo mundo teve o mesmo sonho. Talvez por isso estejamos todos aqui hoje, não sei.

Lembro que depois um amigo me ligou para dizer que ele tinha morrido. Foi duro entender como alguém cuja música veio para tirar tanta gente da solidão e para dar a tanta gente uma razão e um sentido de todas as possibilidades de estar vivo pudesse morrer tão tragicamente. Acho que, quando você está sozinho, você na verdade não está nada sozinho. De qualquer modo, queria tocar essa música para vocês hoje, desejando uma longa vida, com o melhor de absolutamente tudo.

Não nascemos para fugir sozinhos. Há muitas estradas tempestuosas para que atravessemos sozinhos e, no mínimo, você pode usar a música de Springsteen para chegar em casa.

Para aqueles que querem viver mais como “O Chefe” – para as garotas que se penteiam no espelho retrovisor e para os rapazes que querem parecer tão durões –, essa é para vocês. Aqui estão oito versos e frases das músicas entrevistas e frases de Springsteen que vão levá-lo de volta aos dias de glória.

1. Descubra como buscar seus objetivos

“Falando em sonho, tente transformá-lo em realidade”

Badlands, 1978: “Falando em sonho, tente transformá-lo em realidade. Você acorda de noite com um medo tão real. Passa a sua vida esperando um momento que simplesmente não chega. Bom, não desperdice seu tempo esperando.”

2. Nada vai ser entregue de bandeja, saia e conquiste.

“Quando se trata de sorte, você tem de fazer a sua.”

Lucky Town, 1992: “Quando se trata de sorte, você tem de fazer a sua. Hoje minhas mão estão sujas, mas estou construindo uma casa para mim.”

3. Tenha sempre suas experiências de vida prévias na cabeça.

“O passado nunca é o passado. É sempre o presente.”

The Guardian, 2009: “O passado nunca é o passado. É sempre o presente. E é bom que você saiba disso na sua vida e na sua experiência diária, ou ele vai te pegar. Vai te pegar de jeito. Vai chegar e te devorar, vai te tirar do presente. Vai roubar seu futuro, e isso acontece todos os dias.”

4. Mesmo que a sensação de felicidade seja passageira, vale a pena.

“Nunca dura, mas é pra isso que vivemos.”

Time, 1975: “A música é para sempre para mim... é uma coisa do palco, aquele momento de êxtase para o qual vivemos. Nunca dura, mas é pra isso que vivemos.”

5. Seja paranóico com a concorrência.

“Se você é bom, está sempre olhando para os lados.”

The Promise: The Making of Darkness on the Edge of Town, 2010: “Se você é bom, está sempre olhando para os lados... É a vida – é a vida do pistoleiro. Você é muito rápido, meu amigo. Mas tem um moleque na garagem, e daqui dez minutos...”

6. Às vezes você tem de abraçar as contradições.

“Abra os ouvidos, abra os corações.

Não se levem muito a sério e leve-se a sério como a própria morte.”

SXSW, 2012: “Abra os ouvidos, abra os corações. Não se levem muito a sério e leve-se a sério como a própria morte... Não se preocupe. Se preocupe demais. Tenha uma confiança de aço. Mas duvide! Isso vai te manter acordado e alerta. Acredito que você o maior durão da cidade, e que você é um idiota. Isso te mantém na linha. Seja capaz de manter duas ideias contraditórias vivas no coração e na cabeça. Se não te enlouquecer, vai te fazer mais forte. Seja duro, tenha fome e fique vivo.”

7. Não se reprima, faça acontecer.

“Não existe jeito certo, jeito puro de fazer. Só existe o fazer.”

SXSW, 2012: “Não existe jeito certo, jeito puro de fazer. Só existe o fazer... Vivemos num mundo pós-autêntico. Hoje a autenticidade é uma casa de espelhos. Trata-se do que você é quando as luzes se apagam, seus professores, suas influências, sua história pessoal. No fim das contas é a força e o propósito da sua música que ainda importam.”

8. Saiba que você é.

“Baby, nascemos para correr.”

1-2-3-4!

A estrada está entupida de heróis caídos, em uma última tentativa

Todo mundo está fugindo esta noite

Mas não sobrou lugar para se esconder

Juntos, Wendy, podemos viver com a tristeza

Vou te amar com toda a loucura da minha alma

Oh, um dia desses, não sei quando

Vamos chegar naquele lugar

Aonde queremos ir

E vamos andar no sol

Mas até lá os vagabundos em nós

Baby, nascemos para fugir

Oh, querida, vagabundos como nós

Baby, nascemos para fugir

Venha comigo, mendigos como nós

Baby, nascemos para fugir

Para “O Chefe”, um cara que também nasceu para dançar.