NOTÍCIAS
11/09/2014 14:32 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:03 -02

Neca Setubal, apoiadora de Marina Silva, recusou convite de Fernando Haddad para Secretaria de Educação de São Paulo

Montagem/Estadão

Acionista do Itaú e coordenadora do programa de Marina Silva (PSB) Neca Setubal foi convidada a ocupar a Secretaria de Educação da Prefeitura de São Paulo na gestão de Fernando Haddad (PT) em 2012. Neca, que já havia feito doações para a campanha do prefeito, recusou o convite.

Ao ter sido chamada pela presidente Dilma Roussef de defensora dos interesses dos bancos, a educadora rebate:

“Fico muito triste de ver o PT, um partido que sempre admirei e no qual votei algumas vezes - assim como também já votei no PV, no PSB, no PSDB, embora jamais tivesse me filiado a nenhum partido, somente à Rede -, fazendo esse tipo de ataque", disse, em entrevista nesta quarta-feira (10). "São ataques baseados em inverdades, que buscam distorcer uma realidade. Por outro lado, tenho certeza de que essa atitude não é do PT como um todo. Isso é um absurdo, é baixar bastante o nível da campanha”, repudiou.

A campanha de Dilma Roussef explorou, nas últimas semanas, o fato de Neca ter doado, como pessoa física, R$ 1 milhão ao Instituto Marina Silva, focado no desenvolvimento de projetos de sustentabilidade. O aporte bancou 83% dos custos da entidade no ano passado.

A estratégia da petista é colocar o rótulo de “candidata da elite”, sustentada por banqueiros, na candidata do PSB. A propaganda começou a ser veiculada no programa eleitoral de terça-feira (9) e também no horário nobre de algumas emissoras.

“Não apoio só esse instituto, mas também outras 15 instituições, entre elas a Doutores das Águas, Greenpeace, Casa do Coração, Sonho Brasileiro e Instituto Chapada da Educação”, declara.

Fundadora do Centro de Pesquisa para Educação e Cultura (CENPEC), Neca é educadora e possui diversos projetos educacionais com o governo federal e administrações municipais e estaduais. Ela só pisou no Itaú neste ano para participar de uma reunião da fundação, que cuida dos projetos sociais do banco.

LEIA MAIS:

- 'Lucro dos bancos no governo Dilma é o maior da história', contra-ataca Marina

- Dilma Rousseff e Marina Silva empatam no 2º turno, diz pesquisa eleitoral do Datafolha