NOTÍCIAS
26/08/2014 22:07 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:53 -02

Dilma e Aécio relativizam crescimento de Marina na pesquisa Ibope e vitória dela em cenário do 2º turno

Montagem/Estadão Conteúdo

Os candidatos à Presidência da República Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) falaram sobre a pesquisa Ibope divulgada hoje (26), que mostra o expressivo crescimento de Marina Silva (PSB). Na chegada ao primeiro debate dos presidenciáveis, na Band, a petista e o tucano buscaram minimizar os números do levantamento.

A pesquisa mostrou Marina (29%) consolidada em segundo lugar, colada em Dilma (34%) e bem à frente de Aécio (19%), na disputa no primeiro turno. E também indicou vitória da ex-senadora sobre Dilma no possível segundo turno - 45% da candidata do PSB contra 36% da concorrente do PT.

Dilma relativizou o resultado e disse que os números refletem "o momento" atual. "É apenas o início do processo eleitoral", disse.

O presidente do PT, Rui Falcão, ressaltou que o partido encomendou pesquisas cujos resultados aferidos são distintos dos medidos pelo Ibope. "Nas nossas pesquisas, temos uma diferença maior de Dilma para Marina e Aécio; na casa dos 15%", afirmou.

Aécio disse que não está preocupado com a pesquisa do Ibope. "Temos um projeto para o País e, na pesquisa que importa, em 5 de outubro, estaremos na frente", disse o tucano, referindo-se à data do primeiro turno.

O tucano Alberto Goldman, nome de peso na política paulista, fez coro a Aécio. "Dilma está liquidada", comentou, em referência à corrida presidencial.

Galeria de Fotos Candidatos à presidência chegam ao debate Veja Fotos