VIRAL
21/08/2014 20:30 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Diretora do Secret diz que é contra a proibição do app no Brasil: 'Vai restringir liberdade de expressão'

O aplicativo Secret, que permite a postagem anônima de mensagens e fotos, já não está mais disponível na App Store, a loja virtual da Apple.

A companhia está cumprindo a decisão da Justiça de Vitória (ES), que mandou retirar o app das lojas online de todo o Brasil em dez dias e obrigou as empresas a desinstalá-lo de todos os usuários do País.

A determinação judicial pegou de surpresa a empresa responsável pelo Secret, na Califórnia, nos Estados Unidos.

Os responsáveis discordaram da decisão do juiz Paulo César de Carvalho, da 5ª Vara Cível de Vitória.

"Apoiamos as muitas partes envolvidas na luta contra esta liminar, muito além do alcance, que vai restringir a liberdade de expressão dos cidadãos brasileiros", afirmou a diretora de marketing do Secret, Sarah Jane, em nota enviada ao Brasil Post.

LEIA MAIS:

- Secret proibido: Justiça manda retirar o aplicativo das lojas online de todo o Brasil em dez dias

- Por que o Secret é tão fascinante? (BLOG)

A empresa está ampliando a infraestrutura e capacidade de remover conteúdo impróprio – que seja denunciado pelos usuários. "Estamos investindo em tecnologia automatizada e de inteligência humana, que nos permitirá reconhecer melhor e remover tal conteúdo antes de ser publicado", contou Sarah Jane.

A diretora de marketing acredita que essa seria a melhor forma de tratar de abusos nas mensagens, colaborando com a retirada de conteúdos ilegais.

O Secret informa que, por enquanto, não adotará nenhuma medida para reverter a decisão da Justiça.