NOTÍCIAS
18/08/2014 10:19 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Candidato a vice de Marina deve ser filiado ao PSB e ter vínculo antigo com o partido

Montagem / Estadão Conteúdo

Apesar de ainda não oficializada, a candidatura de Marina Silva à Presidência da República pelo PSB, no lugar de Eduardo Campos, é dada como certa. A principal dúvida é quem será candidato a vice-presidente no lugar da ex-ministra. A expectativa é que o partido oficialize a decisão na próxima quarta-feira (20), em reunião da Executiva em Brasília.

O partido exige que seja uma pessoa com vínculo orgânico com a legenda, que tivesse boa relação com Eduardo Campos e com a ex-senadora. O nome tem de ser aprovado pela maioria dos partidos da coligação Unidos pelo Brasil (PSB, PPS, PPL, PRP e PHS), comandada pelo partido de Campos. A legenda tem até dia 23 de agosto para indicar os novos candidatos à presidente e vice-presidente. O PSB se reúne nesta segunda-feira (18), em Recife, para discutir a questão.

Conheça os possíveis vices de Marina:

Galeria de Fotos Conheça os possíveis vices de Marina Veja Fotos