NOTÍCIAS
12/08/2014 13:26 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:47 -02

Fabricante do Toddynho recolhe lote do produto azedo e impróprio para consumo no RS

Divulgação/Pepsico

Um lote do achocolatado Toddynho começou a ser retirado do mercado no Rio Grande do Sul nesta semana. A fabricante, Pepisco do Brasil, informa que o lote impróprio para consumo é o GRU L15 51, fabricado no dia 2 de junho de 2014 e com vencimento em 29 de novembro deste ano.

Segundo nota oficial da Pepsico, esse lote do Toddynho deveria ter sido descartado. Entretanto, "uma falha no processo de descarte" implicou a distribuição do produto "equivocadamente".

"Esse pequeno lote de produtos, que se encontra fora de especificação bacteriológica, apresenta sabor azedo e, eventualmente, pode causar desconforto gastrointestinal", informa o comunicado da empresa.

A Rádio Gaúcha adverte que seis mil unidades integram o lote que está sendo recolhido. A maioria delas, segunda a Pepsico, está à venda na Grande Porto Alegre.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, consumidores se queixaram de ardência na boca e náuseas, após beber Toddynho do lote mencionado. Os dois moradores de Porto Alegre e Viamão se queixaram também de sabor e cheio alterados.

A Vigilância Sanitária do Rio Grande do Sul está apurando "intoxicação exógena" e enviou amostras do produto consumido para o Laboratório Central do estado.

A análise será concluída até o início da semana que vem.

A Pepsico alerta quem comprou o lote do Toddynho GRU L15 51 a não consumi-lo. E pede para que entre em contato com o serviço de atendimento ao consumidor para reaver o dinheiro da compra. O telefone é 0800 703 2222, das 8h às 20h, e o e-mail é sactoddynho@pepsico.com.

A fabricante ressalta que "todos os demais produtos da marca se encontram em perfeitas condições de consumo".