NOTÍCIAS
31/07/2014 16:12 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

Estimulada por pai, criança tenta alimentar tigre em zoológico e é atacado (VÍDEO)

Reprodução

“Não alimente os animais” e “Perigo! Não ultrapasse” são avisos comuns em zoológicos, que servem para preservar a integridade física dos visitantes. Trocando em miúdos, avisam que leões, tigres e outros animais selvagens podem causar sérios ferimentos a pessoas que não respeitam o limite entre o bom senso e a falta de noção.

Que crianças incautas ultrapassem esta fronteira do perigo, por inocência, ausência de medo ou descuido, vá lá. Porém, estimulados por um adulto, pior, por um pai, aí o caso deixa de ser acidente, tornando-se crime.

E foi este o caso ocorrido nesta quarta-feira (30), em um zoológico de Cascavel, no Paraná. Uma criança teve um dedo decepado e ferimentos graves no braço depois de pular uma grade de proteção e, incentivado pelo pai, ficar provocando um tigre. Quando tentou alimentá-lo, foi atacado. Antes, a mesma criança já havia tentado alimentar um leão.

A criança foi levada por uma equipe de resgate do Siate (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) ao Hospital Universitário de Cascavel, sendo submetida, em seguida a uma cirurgia – seu estado de saúde era considerado grave. Já o pai do menino, de 43 anos, foi preso por omissão de cautela e lesão corporal grave.

Veja imagens da criança tentando alimentar o leão e depois, "brincando" com o tigre que o mordeu: