COMPORTAMENTO
23/07/2014 11:58 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

3 pensamentos negativos que todos temos (e como expulsá-los de uma vez por todas)

Zoonar RF via Getty Images

Os livros e artigos sobre como levar uma vida mais feliz são intermináveis. Passamos tempo debruçados sobre palavras que explicam como levar uma vida cheia de alegria. Mas, embora existam alguns atalhos que possamos seguir para chegar à felicidade, a verdade e que somos nós os responsáveis por nossos pensamentos (que, por sua vez, afetam nossos sentimentos).

Escolher uma ótica mais otimista não é simplesmente uma maneira idealista e bobinha de buscar a realização: pesquisas revelam que a atitude positiva tem poder. Olhar para as coisas sob uma ótica positiva pode reduzir nosso risco de problemas cardíacos, reduzir o colesterol e desfazer os efeitos nocivos de uma vida cheia de estresse. Mas saber que uma coisa lhe faz bem e praticar essa coisa são dois conceitos inteiramente distintos, especialmente quando nosso cérebro pode ser naturalmente enviesado para o lado negativo.

Se você é uma pessoa que tende ao pessimismo (e quem não é assim de vez em quando?), dê uma olhada nas sugestões abaixo. É muito provável que todos nós já tenhamos tido esses pensamentos negativos em algum momento. Chegou a hora de dar adeus a eles –de uma vez por todas.

1.“Não sou ............. o suficiente.”

Forte o suficiente, veloz o suficiente, talentoso o suficiente –seja qual for o adjetivo encaixado nesses pontinhos (e às vezes ele muda diariamente), todos nós já pensamos que deixamos a desejar em algum tipo de quesito. Mas, como explica a doutora em psicologia Marcia Reynolds, a verdade é que você é o que você pensa; logo, é hora de deixar de pensar em suas insuficiências e, em vez disso, focar sobre o sentido das coisas. “Lembre-se que você é um ser humano que está fazendo o melhor que pode. Perdoe-se”, ela escreveu num blog da revista Psychology Today. “Depois procure um trabalho que o faça sentir-se valorizado, para ter menos tempo e energia para se preocupar com não ser bom o suficiente.”

2. "Eles são melhores que eu."

Theodore Roosevelt disse certa vez que “a comparação é a ladra da alegria”, e a frase não poderia ser mais correta. Estudos mostram que, quando somos exigentes demais conosco, na realidade reduzimos nosso índice de objetivos alcançados. Com uma população global de cerca de 7 bilhões de pessoas, a realidade é que sempre haverá alguém melhor que você –mas a boa notícia é que isso significa que também você possui talentos que são especiais.

Como sugere a psicoterapeuta e blogger do HuffPost Daniela Tempesta, em vez de usar o melhor momento de outras pessoas como critério com o qual você se compara, mude os termos de referência. “Se você se compara com outros para avaliar seu próprio valor, sempre sairá perdendo”, ela escreveu. “Neste jogo da vida você nunca alcançará um ponto em que estará melhor que os outros de todas as maneiras, e para que desejar isso? Parte do que faz a vida ser interessante e maravilhosa é aprender com os talentos de outros. Em vez de tentar ser tão bom ou melhor que outros, concentre sua energia em ser a melhor versão possível de você mesmo.”

3.”Alguma coisa poderia dar certo, uma vez na vida?”

Todos nós já tivemos esses dias –aqueles em que você derruba seu café, quebra o salto do sapato ou se perde em discussões furiosas. Se estiver tendo dificuldade em enxergar um lado positivo de um dia sombrio, experimente colocar seus pensamentos no papel. Um estudo publicado no Journal of Research in Personality constatou que participantes que anotam suas experiências positivas demonstram estado de ânimo melhor e vão menos vezes ao médico que aqueles que não o fazem. Refletir sobre as coisas positivas de seu dia fará o lado bom das coisas ganhar a dianteira na sua mente, e em pouco tempo você estará notando todas as coisas que dão certo, ao invés das que dão errado.

LEIA MAIS

- Por que você deveria tentar ser "autêntico"

- Dez coisas que os cachorros ensinam sobre o que realmente importa