NOTÍCIAS
01/07/2014 16:14 -03 | Atualizado 26/01/2017 20:50 -02

Dilma ‘cai no samba' em inauguração de obra do PAC a cinco dias do início da campanha eleitoral (FOTOS)

FERNANDO SOUZA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

A presidente Dilma Rousseff caiu no samba – ou quase isso – durante o evento de inauguração do Arco Metropolitano, que aconteceu na manhã desta terça-feira (1) no Rio de Janeiro. A obra, que integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), acontece a cinco dias do início oficial da campanha eleitoral autorizada pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Dilma foi recepcionada por sambistas de duas escolas de samba da Baixada Fluminense: Grande Rio, de Caxias, e Beija-Flor, de Nilópolis, segundo informações do G1. Além de tirar fotos com o pessoal das agremiações e com operários, a presidente ainda arriscou tocar um dos instrumentos.

Photo galleryDilma cai no samba no Rio See Gallery


O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, foi um dos mais animados com a inauguração do primeiro trecho da obra, ligando Duque de Caxias a Itaguaí, na Baixada Fluminense.

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral e outras autoridades acompanharam a visita de Dilma, que terá no Estado fluminense um dos seus maiores desafios eleitorais, uma vez que lá o cenário encontra-se bastante tumultuado e esfacelado, com Aécio tendo apoio do mesmo PMDB de Pezão e Cabral. Já o PT local, além de Dilma, conta com o PSB do presidenciável Eduardo Campos na chapa.

Ou seja, como se disse no mês passado, uma verdadeira ‘suruba eleitoral’.