NOTÍCIAS
12/06/2014 17:13 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Anistia Internacional acusa Polícia Militar de São Paulo de ‘uso desproporcional da força' contra manifestantes

Divulgação/Anistia Internacional

Empenhada desde maio em uma campanha contra a repressão violenta de protestos no Brasil, a Anistia Internacional condenou a ação da Polícia Militar de São Paulo nesta quinta-feira (12), durante confronto com manifestantes. Segundo a ONG, a PM “fez uso desproporcional da força para reprimir uma manifestação pacífica” ocorrida na zona leste de São Paulo.

“Digam ao governador e ao secretário de segurança pública de São Paulo que a liberdade de expressão e manifestação pacífica são direitos humanos, inclusive durante a Copa do Mundo”, informou a ONG em sua página no Facebook.

A Anistia Internacional ressalta que, entre os feridos, há três jornalistas, incluindo uma repórter da CNN.

Pelo Twitter, a PM de São Paulo informa que o protesto seguia tranquilamente até a ação de black blocs, que enfrentaram os policiaisl

Galeria de Fotos Protesto em SP tem primeiro tumulto da Copa Veja Fotos