NOTÍCIAS
08/06/2014 16:22 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

Alagamentos e mortes: chuva afeta mais de 40 mil pessoas no Paraná e Santa Catarina

A chuva forte que atinge a região sul do país deixou parte dos municípios do Paraná embaixo d'água. De acordo com o último boletim divulgado pela Defesa Civil Estadual, 38 cidades paranaenses foram prejudicadas pelas fortes chuvas e alagamentos, problema que afeta quase 40 mil pessoas em uma faixa que vai da região oeste, em Foz do Iguaçu, ao leste do estado, na região da capital Curitiba.

Com mais de cinco mil residências danificadas, milhares de desabrigados e rodovias interditadas em todo o estado, a chuva já causou a morte de quatro pessoas. Entre as vítimas, uma mãe e o filho que foram arrastado pela correnteza em uma ponte próxima ao município de Medianeira, oeste do estado.

Municípios como Guarapuava já decretaram estado de emergência. Outras cidades paranaenses como Irati, na região central, São Jorge d'Oeste e Quedas do Iguaçu, na região sudeste, estão completamente alagadas, com boa parte das casas e rodovias de acesso submersas.

O mesmo problema toma conta da região norte do estado de Santa Catarina. Segundo dados da Defesa Civil, 12 municípios já foram afetadas pelas fortes chuvas, entre eles as cidades de Canoinhas, Porto União e Jaraguá do Sul.

No Facebook e Youtube, diversos moradores das cidades afetadas pelas chuvas estão divulgando imagens dos alagamentos - imagens abaixo e vídeo acima.

Em auxílio aos desabrigados e vítimas dos alagamentos, a Defesa Civil do Paraná e Santa Catarina iniciou a campanha para o recolhimento de donativos. Se você pretende ajudar, procure pelo posto da Polícia Militar ou o Corpo de Bombeiros mais próximo. Além de cestas de alimentos e água potável, roupas, colchões, fraldas e produtos de higiene podem ajudar os desabrigados.

Com informações G1, Estadão Conteúdo, Portal Quedas e Jornal Centro Sul