NOTÍCIAS
02/06/2014 20:05 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:42 -02

Projeto de artista sueco quer arrecadar R$ 34,7 milhões para enviar casa à lua em 2015

Divulgação/Moonhouse

Pisar na lua parece impossível para você? E o que dizer então de morar por lá? Para isso seria preciso ter uma casa nas crateras do satélite mais próxima da Terra, e é justamente isso que o artista sueco Mikael Genberg espera atender em outubro de 2015. Tudo por “míseros” R$ 34,7 milhões.

A empreitada artística integra o Projeto Casa na Lula (Moonhouse Project), no qual Genberg vem trabalhando pelos últimos 10 anos, segundo palavras do próprio. Para atingir o seu objetivo, eles espera arrecadar um total de R$ 34,7 milhões (US$ 15,36 milhões) através de doações de todo o mundo via crowdfunding.

Medindo três metros por dois de base e 2,5 metros de altura, a casinha vermelha que poderia abrigar uma pessoa deverá ser lançada em outubro do próximo ano. Aterrissando em solo lunar, ela se instalaria sozinha no satélite, ficando “pronta para morar”. Isso, claro se tudo correr como o esperado e o dinheiro necessário for arrecadado.

“Colocar uma casa na lua deveria ser impossível, mas através do crowdfunding e da internet é possível que nós possamos provar que qualquer coisa pode ser feita”, afirmou Genberg. A companhia americana Astrobotic aguarda o dinheiro chegar para tomar todos os cuidados para o lançamento da casa até a lua, cobrindo um total de 384 mil km de distância.

“O projeto vai permitir pessoas a entrarem para a história, já que será o primeiro financiado por pessoas comuns a pousar na lua”, comentou o CEO da Astrobotic, John Thornton.

Para estimular os participantes, os organizadores prometem alguns “benefícios”. Por exemplo, quem doar R$ 113,00 (US$ 50,00) ou mais poderá ter o seu nome dentro da casa lunar. Pelo dobro do valor (R$ 226,00 ou US$ 100,00) será possível mandar uma mensagem pessoal para a lua.

Interessado em participar? Você encontra mais informações no site oficial do projeto.