NOTÍCIAS
26/05/2014 13:45 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:35 -02

Copa 2014: Seleção chega à Granja Comary entre protestos e gritos de apoio

Marcio Cassol / Estadão Conteúdo

A Seleção Brasileira já está na Granja Comary, em Teresópolis, local que servirá de casa para a equipe que tentará conquistar o hexacampeonato mundial na Copa do Mundo de 2014.

Diferentemente do que foi registrado na saída da delegação de um hotel no Rio, quando manifestantes protestaram com vigor contra os altos custos da organização do torneio e pediram mais verbas para educação, o clima encontrado na cidade da região serrana do Rio de Janeiro foi dividido: faixas de protestos puderam ser vistas ao lado de bandeiras do Brasil e gritos de ordem foram abafados por cantos de incentivo à equipe nacional.

O ônibus da Seleção chegou à Granja Comary por volta das 12h, escoltado por quatro viaturas da Polícia Federal e repleto de adesivos "anti-Copa" colados pelos manifestantes no Rio de Janeiro. Em entrevista recente ao Estadão, Felipão afirmou que "a Copa fora de campo não é problema da Seleção".

Ainda nesta segunda-feira, às 15h, os atletas iniciam os exames médicos e, uma hora depois, atendem à imprensa. Nesta terça-feira, novos exames médicos e avaliações físicas serão realizados - os treinos se iniciam na quarta-feira.

Antes da estreia na Copa do Mundo, no dia 12 de junho, contra a Croácia, a Seleção Brasileira realiza dois amistosos, contra o Panamá, no dia 3 de junho, em Goiânia, e contra a Sérvia, no dia 6, em São Paulo.