COMPORTAMENTO
20/03/2014 14:59 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:13 -02

9 coisas que você provavelmente não sabia sobre o espirro

Thinkstock

Todos nós espirramos, embora alguns sejam mais barulhentos que outros. É um reflexo que simplesmente não conseguimos controlar. Mas, além das causas mais óbvias -- pimenta fresca, por exemplo --, quanto realmente sabemos sobre o que nossos espirros significam? Aqui estão alguns fatos divertidos que você provavelmente não sabia sobre os espirros.

1. Seus espirros voam a até 150 quilômetros por hora.

Pelo menos no caso de algumas pessoas. Os corajosos "Caçadores de Mitos" realmente cronometraram os deles e registraram entre 48 e 56 quilômetros por hora.

2. Seu "aerossol" cheio de germes pode pousar muito longe.

Alguns acham que você espalha em um raio de 1,5 metro, outros viram o muco pousar a até 9 metros de distância. Nesse nível, praticamente não há como escapar desses germes!

3. Espirramos para renovar nossos narizes.

Em 2012 os pesquisadores descobriram exatamente por que espirramos e o que deveria acontecer quando o fazemos. A "ScienceDaily" relatou:

"Como um computador temperamental, nossos narizes precisam de um 'reboot' quando estão saturados, e esse reinício biológico é desencadeado pela pressão de um espirro. Quando um espirro funciona adequadamente, ele renova o ambiente das passagens nasais para que as partículas 'ruins' inspiradas pelo nariz possam ficar presas. O espirro é realizado por sinais bioquímicos que regulam o movimento de cílios (pelos microscópicos) nas células que revestem nossas cavidades nasais."

4. A luz do sol faz muitas pessoas espirrarem.

Penas, pimenta, resfriados, gripes e alergias não são os únicos motivos pelos quais espirramos. Há muitas teorias sobre outras causas, mas uma em particular foi estudada cientificamente: a luz forte. Cerca de uma em cada quatro pessoas espirra diante da luz do sol, uma reação chamada de reflexo de espirro fótico, relatou a "LiveScience". Os cientistas não entendem completamente por que isso acontece, mas acreditam que a mensagem que o cérebro recebe para encolher as pupilas na presença de luz forte possa cruzar caminhos com a mensagem que o cérebro recebe para espirrar.

5. É muito normal dar dois ou três espirros.

Aquelas partículas "ruins" presas nas passagens nasais e expelidas pelos espirros não estão exatamente correndo para a saída. Muitas vezes é necessário mais de uma tentativa para chutar para fora esses elementos irritantes, o que pode causar vários espirros em sequência, relatou a "Everyday Health".

6. Seus olhos se fecham involuntariamente.

Apesar do pânico que causa se você estiver dirigindo quando sentir vontade de espirrar, não há muito que possa fazer para manter os olhos abertos.

Parte da mensagem que o cérebro recebe na escalada de um espirro é para fechar os olhos. É um reflexo involuntário semelhante ao modo como seu joelho reage quando o médico bate nele com aquele pequeno martelo, relatou a NBC News. Mas um espirro não pode fazer seu olho saltar para fora, como dizem algumas histórias.

7. Seu coração não para quando você espirra.

Apesar da persistente lenda urbana, seu coração não pula um batimento no meio de uma esternutação (palavra elegante para espirro!). O que pode acontecer, segundo o "New York Times", é que o ritmo do coração desacelere naturalmente apenas um pouco. Isto se deve tanto à inspiração profunda que a maioria das pessoas faz antes de espirrar, como ao estímulo do nervo vago que ocorre durante um espirro. A maioria das pessoas nem sequer nota qualquer mudança e "o efeito é mínimo", relatou o "Times".

8. É melhor espirrar para fora do que para dentro.

Primeiro, uma distinção importante: existe um tipo de sufocamento que ocorre quando você sente que talvez precise espirrar, e depois há o tipo de sufocamento quando o espirro já está a meio caminho da saída.

No último caso, se você estiver em uma igreja, um cinema ou uma palestra, pare de tentar sufocar aquele espirro. Embora seja raro, isso pode causar ferimentos, incluindo vasos sanguíneos rompidos nos olhos, vasos sanguíneos enfraquecidos no cérebro, tímpanos rompidos ou problemas com o diafragma. "Eu não recomendaria reprimir um espirro por qualquer método", disse à "LiveScience" o cirurgião de cabeça e pescoço Alan Wild, professor-assistente de otorrinolaringologia na Universidade de Saint Louis.

9. Mas você pode acalmar a necessidade de espirrar.

Se você tiver apenas aquela sensação de que o espirro está a caminho, há alguns truques que parecem cortar o espirro pela raiz, disse Wild à "LiveScience". Experimente esfregar o nariz, pressionar o lábio superior embaixo do nariz ou forçar uma respiração profunda pelo nariz.

LEIA MAIS:

- Onde – e por quanto tempo – vivem os vírus e bactérias mais infames (INFOGRÁFICO)