VIRAL
25/02/2014 16:08 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:13 -02

Outdoor de campanha da Amil revolta comunidade gamer: "De que adianta acumular vidas no game se a vida que vale está fora dele?"

Reprodução/Facebook

A intenção foi das melhores, mas o tiro acertou o alvo errado. Um outdoor do plano de saúde Amil está causando comoção entre os jogadores de videogames por conter uma mensagem que apontaria erroneamente os games como a razão do sedentarismo.

"Uma em cada três crianças brasileiras está acima do peso. De que adianta acumular vidas no game se a vida que vale está fora dele?", diz a peça publicitária que é assunto de várias publicações no Facebook e algumas no Twitter.

O post com a maior número de interações foi publicado pela rádio Game FM, especializada em trilhas de games. Nos comentários, as principais críticas dizem respeito aos destaques do texto, que induziriam o leitor à interpretação.

Além disso, nos compartilhamentos sobre a campanha, os usuários acusam a empresa de falta de criatividade no outdoor, lembrando que o mote sedentarismo versus games já foi usado nos Estados Unidos na campanha Let's Really Move, também muitíssimo criticada há alguns anos.

Também nos comentários, lembraram de uma pesquisa divulgada pela Discovery em 2013 que mostra que videogames podem fazer o inverso, auxiliando o combate à obesidade infantil com o ajuda de acessórios como o Kinect e o Playstation Move. Outro link lembra também da história de um homem que perdeu 45kg exercitando com o Wii Fit.

Segundo a assessoria de imprensa da Amil, o interpretação da mensagem está equivocada, visto que outdoor em questão faz parte de uma campanha de conscientização "muito mais ampla" de combate à obesidade infantil chamada Saúde 360. A ideia, segundo a assessoria era mostrar para crianças e pais a importância do exercício físico e da alimentação saudável.