NOTÍCIAS
24/02/2014 12:37 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:13 -02

Roberto Jefferson é preso pela Polícia Federal

Estadão Conteúdo

O ex-deputado federal Roberto Jefferson foi preso nesta segunda-feira (24) pela Polícia Federal. A informação foi dada pelo Twitter da Polícia Federal. Ele foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro devido à participação que teve no esquema do mensalão.

Após ter sido preso pela Polícia Federal em sua casa em Levy Gasparian, no interior do Estado, o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) disse que não se arrepende da denúncia que fez sobre o esquema do mensalão, em 2005, no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para ele, após o episódio, que resultou na cassação de seu mandato e posterior condenação a sete anos de prisão, "o Brasil melhorou"."A imprensa fiscaliza mais e os políticos melhoraram seu comportamento. Não dá mais para brincar com a opinião pública", afirmou Jefferson aos repórteres na porta de sua casa.

O ex-deputado não quis revelar se considera justa sua condenação pelo Supremo Tribunal Federal pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O delator do mensalão disse que encara sua prisão "com serenidade, equilíbrio, paciência e humildade". "Tenho que passar por isso. Estou levando todos os meus laudos e a última tomografia. Assim que eu der entrada na PF, eles terão acesso ao meu histórico médico", afirmou Jefferson, que segue dieta depois de se tratar de um câncer no pâncreas, em 2012.

O ex-deputado embarcou em um carro descaracterizado da Polícia Federal, às 14 horas desta segunda-feira, 24, e foi levado à sede da Superintendência da PF, no centro do Rio. De lá segue em comboio para o complexo de Gericinó, em Bangu (RJ).

Atualizado às 17h17 com informações da Agência Estado.