NOTÍCIAS
19/02/2014 18:32 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:04 -02

PT não deseja a Azeredo o tratamento que foi dado aos deputados envolvidos no mensalão

Em discurso na Câmara dos Deputados na tarde desta quarta-feira (19), o líder do PT na casa, deputado Vicentinho Alves (PT-SP), disse que não deseja ao ex-deputado Eduardo Azeredo (PSDB-MG) o mesmo tratamento que foi dado aos deputados do mensalão petista.

“Nós não desejamos ao deputado Azeredo o tratamento que foi dado aos deputados na ação penal 470. Que ele tenha direito a apresentar todas as suas defesas. Que não haja prova com base na invenção. Que ele seja de fato de acordo com uma justiça plena, ponderada e firme. Imagine uma pessoa inocente ser condenada da maneira como muitos que nós achamos foram condenados”, disse.

Azeredo é o principal réu no processo do mensalão tucano e renunciou ao seu mandato na Câmara dos Deputados nesta quarta (19). O ex-deputado se diz inocente.