NOTÍCIAS
04/02/2014 14:00 -02 | Atualizado 26/01/2017 20:50 -02

Satya Nadella, "homem-nuvem", é o novo CEO da Microsoft

Satya Nadella, senior vice president of research and development for the online services division for Microsoft Corp., speaks during a Microsoft Search Summit event in San Francisco, California, U.S., on Wednesday, Dec. 15, 2010. Microsoft Corp. updated its Bing search engine today, aiming to build on U.S. market-share gains last month as it chases Google Inc. Photographer: David Paul Morris/Bloomberg via Getty Images
Bloomberg via Getty Images
Satya Nadella, senior vice president of research and development for the online services division for Microsoft Corp., speaks during a Microsoft Search Summit event in San Francisco, California, U.S., on Wednesday, Dec. 15, 2010. Microsoft Corp. updated its Bing search engine today, aiming to build on U.S. market-share gains last month as it chases Google Inc. Photographer: David Paul Morris/Bloomberg via Getty Images

A Microsoft anunciou nesta terça-feira (4) o nome do executivo que vai substituir Steve Ballmer no posto de CEO do gigante do software. É o indiano Satya Nadella, que trabalha na companhia há 22 anos. Ele era o responsável pelas áreas de produtos corporativos e serviços em nuvem, mais lucrativas da companhia. O executivo é o terceiro nome a ocupar o cargo de CEO da Microsoft desde sua fundação, em 1975.

A escolha de Nadella não surpreendeu o mercado, que já esperava a confirmação do executivo. Na última semana, o nome dele já aparecia como maior aposta dos analistas do setor de tecnologia — ele era também o favorito de Bill Gates, cofundador da Microsoft, que voltará à operação da companhia para ajudar no desenvolvimento de novos produtos. A decisão final foi tomada no fim de semana passada, quando o conselho da companhia finalmente decidiu o nome do substituto de Ballmer.

A busca por um novo CEO começou em agosto de 2013, quando Ballmer anunciou sua aposentadoria, alegando que não seria mais capaz de levar inovação à companhia. A decisão surpreendeu o mercado, já que antes Ballmer prometera ficar no cargo até que seus filhos chegassem à universidade — o que só deve acontecer em 2017.

O conselho cogitou, então, buscar um profissional fora da companhia. Especulou-se que o novo CEO poderia ser Alan Mulally, CEO da Ford. A decisão, contudo, foi revista e todas as atenções se voltaram para Nadella.

O principal desafio do novo CEO, e é claro de toda a Microsoft, será ganhar relevância no mercado móvel, um setor em que a empresa tem patinado há alguns anos. A decisão de recrutar um colaborador para ocupar o posto de CEO indica que a empresa pode expandir seus negócios no setor corporativo.