OPINIÃO

13 hábitos de pessoas muito simpáticas

Ser simpático é algo que está sob nosso controle, e é uma questão de inteligência emocional.

08/08/2017 19:01 -03 | Atualizado 08/08/2017 19:01 -03
AJ_Watt via Getty Images
'Se você quer que as pessoas gostem de você, sorria para elas durante a conversa e elas inconscientemente farão o mesmo'.

Muitas pessoas sucumbem à crença enganosa de que ser simpático é uma característica natural, não ensinada, que apenas um punhado de pessoas mais sortudas possui — as de boa aparência, as intensamente sociáveis e as incrivelmente talentosas. É fácil se deixar levar por essa concepção errada. Na verdade, ser simpático é algo que está sob nosso controle, e é uma questão de inteligência emocional (IE).

Em um estudo ​​​​​​conduzido pela Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA), os participantes listaram mais de 500 adjetivos com base no que consideravam significativo para a simpatia. Os adjetivos mais citados nada tinham a ver com ser sociável, inteligente ou atraente (características inatas). Em vez disso, os adjetivos no topo da classificação foram a sinceridade, a transparência e a capacidade de compreender (uma outra pessoa).

Esses adjetivos, e outros como eles, descrevem pessoas habilidosas no lado social da inteligência emocional. Os dados da pesquisa da TalentSmart com mais de um milhão de pessoas mostram que as detentoras dessas habilidades não são apenas altamente agradáveis, elas superam as que não são por uma ampla margem.

Fizemos algumas pesquisas para descobrir os comportamentos essenciais adotados pelas pessoas emocionalmente inteligentes e que as tornam tão simpáticas. Aqui estão 13 dos melhores:

1. Elas fazem perguntas

O maior erro que as pessoas cometem quando se trata de escutar é que estão tão focadas no que vão dizer em seguida, ou em observar como o que a outra pessoa está falando vai afetá-las, que não conseguem ouvir o que está sendo dito. As palavras chegam altas e claras, mas o significado se perde.

Um jeito simples de evitar isso é fazer múltiplas perguntas. As pessoas gostam de saber que você está ouvindo. Algo tão simples como um pedido de esclarecimento demonstra não apenas que você está prestando atenção, mas que também se preocupa com o que estão dizendo. Você ficará surpreso ao ver quanto respeito e admiração você conquista tão somente por fazer perguntas.

2. Elas desligam seus telefones

Nada vai desagradar tanto alguém quanto o envio de uma mensagem de texto no meio de uma conversa ou até mesmo uma rápida olhada no telefone. Quando se envolver em uma conversa, concentre toda sua energia no bate-papo. Você vai descobrir que conversas são mais prazerosas e eficazes quando mergulha nelas.

3. Elas são autênticas

Ser autêntico e honesto é essencial para ser simpático. Ninguém gosta de falsidade. As pessoas gravitam em torno daqueles que são autênticos porque sabem que podem confiar neles. É difícil gostar de uma pessoa quando você não sabe quem ela realmente é e como de fato se sente.

Pessoas agradáveis sabem quem são. São confiantes o suficiente para estarem confortáveis consigo mesmas. Você se torna muito mais interessante se voltar o foco para suas motivações e o que te faz feliz, em vez de tentar conquistar as pessoas fazendo escolhas que considera que as levarão a gostar de você.

4. Elas não fazem julgamentos

Se você quer ser simpático, precisa ter a mente aberta. Ter a mente aberta faz com que você seja interessante e disponível para os outros. Ninguém quer conversar com alguém que já tem opinião formada e não está predisposto a escutar.

Ter a mente aberta é crucial no ambiente de trabalho em que a disponibilidade significa acesso a novas ideias e ajuda. Para eliminar noções preconcebidas e julgamento, você precisa ver o mundo através dos olhos das outras pessoas. Isso não quer dizer que você tem de acreditar no que elas acreditam nem que aprove o comportamento delas. Simplesmente significa que você deixa de fazer julgamentos por tempo suficiente para compreender verdadeiramente o que as motiva. Somente então você pode deixar que elas sejam como são.

5. Elas não buscam atenção

As pessoas têm aversão àqueles que estão desesperados por atenção. Você não precisa desenvolver uma personalidade forte e extrovertida para ser agradável. Simplesmente ser amigável e atencioso é tudo o que precisa para conquistar os outros. Se você falar de um modo gentil, confiante, e de uma forma concisa, vai notar que as pessoas são muito mais atentas e persuadíveis do que quando tenta lhes mostrar que você é importante. As pessoas captam sua atitude rapidamente e são mais atraídas pela atitude correta do que as coisas que você sabe – ou quantas pessoas conhece.

Quando você é o alvo das atenções, como quando está sendo elogiado por algo que realizou, mude o foco para todas as pessoas que trabalharam duro para ajudá-lo a chegar lá. Isto pode parecer clichê, mas, se você for autêntico, o fato de prestar atenção nos outros e apreciar a ajuda deles vai mostrar que é agradecido e humilde — dois adjetivos que estão intimamente ligados à simpatia.

6. Elas são coerentes

Poucas coisas tornam alguém mais antipático do que a incoerência. Quando as pessoas se aproximam de você, gostam de saber com quem estão lidando e que tipo de resposta podem esperar. Para ser coerente, você tem de ser digno de confiança, e precisa se certificar de que, mesmo quando seu humor está instável, isso não afeta o modo como você trata as outras pessoas.

7. Elas usam linguagem corporal positiva

Tornar-se ciente de seus gestos, expressões e tom de voz (e certificar-se de que são positivos) vai atrair as pessoas para você como formigas para um piquenique. Usar um tom entusiasmado, descruzar os braços, manter contato visual e se inclinar na direção de quem estiver falando são formas de linguagem corporal positiva que pessoas de elevada inteligência emocional usam para cativar os outros. Linguagem corporal positiva pode fazer toda a diferença em uma conversa.

É verdade que o modo como você diz alguma coisa pode ser mais importante do que aquilo que você diz.

8. Elas deixam uma forte primeira impressão

Pesquisas mostram que a maioria das pessoas decide se gosta ou não de você nos primeiros sete segundos após serem apresentadas. Elas passam o resto da conversa justificando internamente sua reação inicial. Isto pode soar assustador, mas, ao saber disto, você pode aproveitar para conseguir enormes ganhos em sua simpatia. As primeiras impressões estão vinculadas intimamente à linguagem corporal positiva. Postura ereta, um aperto de mão firme, sorrir e endireitar os ombros enquanto estiver conversando com outra pessoa vão ajudar a garantir que a primeira impressão que você deixa é boa.

9. Elas cumprimentam as pessoas pelo nome

Seu nome é parte essencial da sua identidade e é fantástico quando as pessoas o usam. Pessoas simpáticas se certificam de mencionar os nomes das outras todas as vezes que as veem. Você não deveria usar o nome de alguém somente na hora de cumprimentar. Pesquisas mostram que as pessoas se sentem valorizadas quando aqueles com quem estão falando se referem a elas pelo nome durante a conversa.

Se você tem facilidade para lembrar dos rostos, mas tem problema com os nomes, divirta-se um pouco com isso e faça da lembrança dos nomes das pessoas um exercício de memória. Quando conhecer alguém, não tenha medo de perguntar seu nome pela segunda vez se você o esquece logo depois de o ouvir. Você vai precisar ter o nome na ponta da língua para se lembrar dele na próxima vez que encontrar essa pessoa.

10. Elas sorriem

As pessoas naturalmente (e inconscientemente) reproduzem a linguagem corporal daquelas com quem estão falando. Se você quer que as pessoas gostem de você, sorria para elas durante a conversa e elas inconscientemente farão o mesmo e, como resultado, se sentirão bem.

11. Elas sabem quando se abrir

Tenha cuidado para evitar contar problemas e fazer confissões rápido demais, pois isso levará você a ser visto como um tipo que só reclama. Pessoas simpáticas deixam os outros as conduzirem ao momento certo de elas se abrirem.

12. Elas sabem quem tocar (e os outros as tocam)

Quando você toca em alguém durante uma conversa, você libera oxitocina no cérebro dessa pessoa, um neurotransmissor que faz a mente dela associar você com a confiança e muitos outros sentimentos positivos. Um simples toque no ombro, um abraço ou um aperto de mão caloroso é tudo que é preciso para liberar oxitocina. Claro, você tem de tocar a pessoa certa da maneira certa para liberar oxitocina, já que um toque não desejado ou inapropriado tem o efeito contrário. Lembre-se apenas de que relacionamentos não são construídos só de palavras, mas também de sentimentos em geral de uns para com os outros. Tocar uma pessoa de modo apropriado é um grande meio de mostrar que você se importa com ela.

13. Elas equilibram entusiasmo e diversão

As pessoas gravitam em torno daquelas que vivem com paixão. Dito isto, é comum que as pessoas muito empolgadas com aquilo em que se envolvem sejam vistas como sérias demais ou desinteressadas porque tendem a ficar absortas em seu trabalho. Pessoas simpáticas equilibram seu entusiasmo com a capacidade de se divertir. No trabalho, elas são sérias e também amigáveis. Conseguem cumprir suas tarefas porque são eficazes socialmente em espaços curtos de tempo e tiram proveito de momentos sociais valiosos. Elas não dão espaço para conversas sem importância e fofocas e, em vez disso, concentram-se em ter relações significativas com os colegas de trabalho. Lembram-se do que você lhes disse ontem ou na semana passada, o que demonstra que você é tão importante para elas como o trabalho que fazem.

Juntando tudo

Pessoas simpáticas são inestimáveis e únicas. Elas interagem com facilidade, promovem harmonia no ambiente de trabalho, extraem o melhor de cada um à sua volta e geralmente parecem ser as que mais se divertem. Acrescente essas habilidades ao seu repertório e veja sua simpatia dar um salto!

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

- Os 18 sinais que indicam que você é emocionalmente inteligente

- 6 coisas que você realmente precisa saber sobre os introvertidos

5 maneiras de cultivar a felicidade