OPINIÃO

5 experiências românticas na Provence

23/10/2015 10:22 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:53 -02
decar66/Flickr
Dans le quartier de la Fondue. Moustiers-Sainte-Marie. Provence, Fr. ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------ This image and many more from my Photostream are shared under Creative Commons licence. Author: Salva Barbera. You can use this image on websites, blogs or other media projects without my permission as long as you credit me as the Author. My images may not be used for any profane or immoral purpose or to incite violence or hatred. Please read the Creative Commons image licence guidelines before downloading. A link back to my Flickr account is not mandatory but highly appreciated. ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Passear pela Provence, entre vilarejos medievais, castelos e campos de lavanda, é das experiências mais apaixonantes que existem. Tudo, ali, respira romance. As estradas estreitas e sinuosas de filme, as cerejas frescas, as comidinhas das feiras livres e alguns dos melhores vinhos do mundo.

2015-10-07-1444230142-862292-IMG_4857.JPG

1. Jantar a dois em La Verrière

No topo de uma montanha, ao lado do vilarejo Crestet (há uma hora e meia de Avignon), Domaine de la Verrière é um dos cenários mais românticos da Provence. A propriedade, que abrigou um antigo convento medieval, foi restaurada e se transformou em uma vinícola boutique onde se produz o vinho biodinâmico Chêne Bleu. A pousada de sete quartos, no casarão principal, é quase um segredo de quem conhece bem a região. O menu de pequenos eventos, para quem está hospedado ali, é sedutor: o casal pode escolher, por exemplo, entre um pic-nic típico no lago ou o jantar requintado à beira da piscina de borda infinita, com vista para os vinhedos que cercam a propriedade. O vinho rosé Chêne Bleu, produzido na propriedade, é servido na Ópera de Paris. Os casamentos que acontecem em La Verrière são dos mais charmosos do mundo. Quem sabe o casal se anima e marca a data?

2015-10-07-1444230763-8418278-CBWA3P1HouseintheAutumn3.jpg

2. Se perder pelos campos de lavanda

A partir do mês de julho, até meados de agosto, a paisagem da Provence se tinge de lilás. Os campos de lavanda se estendem no horizonte, entre os vilarejos. Há diversas maneiras de sentir a magia e o perfume da alfazema (como se diz no Brasil): simplesmente caminhando no meio delas, ou levando alguns raminhos na bolsa, para prolongar o aroma. É possível ainda visitar o Museu da Lavanda, que conta a história dessa flor e do seu poder curativo e calmante. Claro que o museu tem uma lojinha daquelas que as mulheres adoram. Mágico mesmo é namorar em meio aos campos de sonho, sentindo o vento no rosto. Das coisas que o coração não esquece.

Museu da Lavanda

Hameau de Coustellet

276 Route de Gordes -D 2

BP 16 

84220 Cabrieres D'Avignon

2015-10-07-1444230865-767866-IMG_4684.JPG

3. Despertar os sentidos na feira de Aix-en-Provence

Queijos, tapenades, aspargos, alcachofras, abricots, cerejas, melões... As feiras livres dos vilarejos, como a de Aix-en-Provence, são uma festa para os cinco sentidos. Quem desejar uma experiência mais exclusiva, pode ainda colher legumes e frutas em uma típica horta provençal, em uma fazenda ali perto, na companhia de um chef, e depois saboreá-los em um suculento almoço. Essa é uma das atrações do roteiro da Freeway Viagens, com foco na gastronomia e nos campos de lavanda. Depois do almoço, a pedida é caminhar pelas ruelas de Aix, a cidade do pintor Cézane, onde seu ateliê é aberto à visitação.

4. Ver a vida em rosa, em Roussillon

Um dos vilarejos mais fotogênicos e pitorescos, Roussillon tira partido da terra ocre de suas montanhas para ser degradè. O óxido de ferro, presente no solo local, dá origem a areias de cores vivas, em diversos tons, usadas desde os tempos remotos em pinturas rupestres. Assim, Roussilon, aldeia construída sobre esse depósito mineral, tem todas as suas casas coloridas em tons de ocre, criando uma paisagem ton surton. Entre lojinhas, galerias de arte e cafés, não deixe de provar um autêntico sorvete de rosas.

2015-10-07-1444230906-2117857-provence.jpg

5. Beber os melhores rosés do mundo 

Uma das maravilhas da Provence é beber vinho, muito vinho, a preços incríveis. O "rosé de Provence" é uma instituição local. Os melhores rosés do mundo são, sem dúvida, dessa região do Sul da França, que reúne diversas denominações. Elegantes e delicados, a começar pela cor bem clara, predominante. Como os sutis vinhos rosados são mais sensíveis à luz e a mudanças de temperatura, costuma-se dizer que o melhor lugar para beber um rosé da Provence é na Provence. Bem geladinho, o rosé harmoniza tanto com saborosos frutos do mar da região quanto com um bom cordeiro assado. O bom é que, entre um vilarejo e outro, dá para parar nas sedes das vinícolas e nas cooperativas dos produtores, como a Roaix Seguret. Uma dica, para o dia a dia, é comprar uma BIB (Bag In Box) de 3 ou 5 litros, que têm uma torneirinha. Basta deixar na geladeira e ir bebericando... C'est la vie.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:


VEJA MAIS SOBRE NO BRASIL POST:

O que mais irrita em viagens de avião?