TEM JEITO

Divulgação/Matheus Julio

São Paulo precisa superar os combustíveis fósseis no transporte público

O momento é de reafirmar, agora para a nova gestão, o futuro que desejamos para a mobilidade urbana em São Paulo: se o caminho da modernidade trilhado por cidades líderes em qualidade de vida e desenvolvimento econômico, como Estocolmo, Vancouver, São Francisco ou Berlim, que vêm investindo maciçamente em redes inteligentes e sistemas eficientes de abastecimento sem fio de veículos elétricos, ou o atraso dos combustíveis fósseis, que poderá nos fazer perder o ônibus da competitividade por mais 20 anos.