OPINIÃO

Selo garante origem vegana de produtos industrializados

27/08/2015 19:20 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

2015-08-14-1439560141-6204493-SVB.jpg

Uma das dificuldades para veganos e vegetarianos é encontrar no mercado produtos industrializados que comprovadamente não tenham nenhum traço ou resquício de alimentos de origem animal. Para ajudar nesta missão, existem as certificações de alimentos - você já ouviu falar de alguma?

Uma das mais conhecidas é a que estampa o selo "Aprovado SVB Vegano" na embalagem de variados produtos.

Esta certificação garante ao consumidor que todo o desenvolvimento e fabricação de determinado produto foi livre de qualquer uso de animais ou suas partes - ou até de contaminação pelo manuseio deste tipo de produto no mesmo ambiente ou maquinário.

Isso é importante porque muitas empresas fabricam produtos aptos para veganos no mesmo local em que fazem produtos ou alimentos que utilizam matérias-primas de origem animal.

Um exemplo prático: uma empresa de salgadinho produz uma versão totalmente vegetariana no mesmo ambiente (talvez, na mesma máquina) que uma versão com queijo ou carne.

Neste caso, não há garantia que a primeira versão, apta para vegetariana, não esteja contaminada, com traços ou resquícios da segunda versão.

Além de ruim para os vegetarianos, é péssima para pessoas intolerantes a lactose ou outros produtos - é por isso, também, que a Anvisa obriga as empresas a anunciar na embalagem que o produto "pode conter traços" destas substâncias, pois algumas pessoas são intolerantes a ela.

Para ter certeza que o produto não teve nenhum contato com matérias-primas de origem animal, só com uma certificação que garanta esta condição.

O selo da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), surgiu com o crescente número de brasileiros que evitam carnes, laticínios, ovos e outros produtos animais, e é utilizado não apenas em alimentos, mas também em cosméticos e outros produtos.

Por isso, é útil não apenas para vegetarianos, para também para aqueles que não pretendem consumir produtos testados em animais, por exemplo - além, claro, dos já citados alérgicos.

Então, já sabe, né?! Se você quer ter certeza que está consumindo um produto livre de matérias-primas de origem animal, procure o selo SVB.

Mas lembre-se: nenhuma empresa é obrigada a fazer esta certificação. Eventualmente, você pode encontrar produtos aptos para veganos que não contenham o selo - já que para obtê-lo é preciso seguir uma série de procedimentos e fazer o pagamento de taxas.

De qualquer forma, é uma mão na roda!


Famosos vegetarianos