OPINIÃO

A culpa é deles

27/10/2014 17:43 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02
Mait Juriado photo via Getty Images

Circula na Internet um infográfico com as votações por município: vermelho de PT onde a Dilma obteve mais votos, azul de PSDB onde o Aécio teve mais.

Segundo levantamento do USAToday em 2013, o mapa de temperatura do brasil dois anos atrás é assustadoramente similar. Temperatura parece ser melhor oráculo do que instituto de pesquisa.

Seguindo minha dica, é possível que em breve institutos indiquem essa correlação como "aplicável" e que marketeiros trabalhem junto ao PSDB durante os próximos anos para a criação do "bolsa ar condicionado", uma maneira de diminuir a temperatura do ar nas regiões mais quentes e, consequentemente, obter votos para seu partido. Pelo outro lado, o PT deve colocar em pauta o "bolsa forno e fogão", esse último tão discutido nos debates do último mês.

Dilma foi reeleita. Para quem procurava, a culpa está na temperatura.

Calor e frio, norte e sul, PT e PSDB. O mapa que circula pela internet apresenta quatro tons para denotar todas os valores existentes entre 0 e 100%, ou entre 0 e 200 milhões. E aí está a enganação: o Brasil pode ser separado em dois, os estados que votaram mais em um e em outro, os problemas surgem quando sempre concluímos que o outro lado está errado.

A humanidade tem a tendência de se agrupar, e se estamos em um grupo, definimos quem não está. A culpa é deles. Seja o estado do Nordeste, do Sudeste, dos criminosos que roubam dinheiro do governo no Bolsa Família ou dos que importam bens sem pagar impostos, a culpa é sempre do outro grupo. Queremos ser puros, apesar dos crimes que praticamos no nosso dia a dia.

O ato de classificar para aplicar culpa não ocorre só no Brasil nem é um fenomeno puramente contemporâneo, ele é refletido na "culpa dos gays pela disseminação do ebola na Liberia", e historicamente na "culpa dos judeus" pela peste negra.

É muito fácil e importante categorizar entre nós e eles, difícil é viver consciente que, junto com eles, fazemos a nossa parte do lado do mal da história. Eu e você.

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.


Para saber mais rápido ainda, clique aqui.


VEJA TAMBÉM NO BRASIL POST:

12 momentos da campanha de 2014