OPINIÃO

Seja o pôr do sol para os dias cinzentos

03/01/2016 12:16 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:53 -02

Era uma vez uma criança ... que todos os dias acordava cedo para ir à escola e para saber como seria sua rotina. Ia correndo para a janela do quarto para prever se o mesmo seria ensolarado ou chuvoso (para um pequenino, a temperatura diária pode influenciar e muito na sua criatividade com os coleguinhas - santa inocência).

2016-01-03-1451779679-5036696-diadesol.jpeg

O sol era o seu amigo e elixir motivacional, mas aos poucos, o jovem foi amadurecendo e perdendo a ingenuidade.

A sabedoria juntamente com seu aprendizado nas relações amorosas provou que, assim como o nascer do sol será no Leste, ele pode parecer similar, mas nunca será o igual ao de ontem.

Percebeu rápido que os romances, trabalho e vida em geral eram como o pôr-do-sol, onde no começo havia um brilho que o deixava cego, um calor que cobria o peito e uma alegria saltitante.

Mas, com o tempo e sem aviso prévio, ele foi percebendo esses raios solares diminuíram com a forma de tratamento das pessoas que não viam o sol, igual a ele era quando moleque.

Agora maduro, viu que as pessoas se cansaram dos sonhos, dos beijos, das coisas simples, dos abraços, mas não das transas de coelho (rápidas e curtas).

Mas a história pode ter um final feliz, diferente e ousado.

Não se canse da vida, das pessoas, pois, após a chuva e um dia escuro, sempre haverá um sol belo e aconchegante esperando pelo seu sorriso.

Permita-se receber o bem por um dia, mesmo que os outros cem dias sejam cinzentos.

Também no HuffPost Brasil:

5 maneiras de cultivar a felicidade

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: