OPINIÃO

Uma ótima ideia da cidade de São Paulo: praças no lugar de carros

07/03/2014 09:55 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:12 -02
Flickr/upslon

Começou experimentalmente em uns poucos metros quadrados da cidade de São Paulo: tirar provisoriamente algumas vagas de carro (no máximo três vagas) colocando ali um minúscula praça. Nome: vagas vivas.

A experiência, vista como folclórica, está agora virando política pública.

Quem morava ou trabalhava perto da minúscula praça adorava, aplaudia, afinal tinha ganho um ponto de encontro. Num do casos, houve abaixo-assinado para deixar lá o ponto.

A prefeitura resolveu ir além. Está chamando lojistas, donos de bares, restaurantes ou entidades comunitárias para proporem novas vagas vivas, tirando carros e colocando, no lugar, pessoas. Técnicos responsáveis pelo trânsito vão analisar a viabilidade de cada projeto.

Por trás dessa minúscula experiência, há um grande conceito - a de que a cidade deve funcionar para a convivência em espaços públicos. Isso significa cada vez menos espaço ao transporte individual.

Tomara que se espalhe para todo o Brasil, trazendo mais civilidade para as cidades.