OPINIÃO

Por que sinto vontade de vomitar

12/02/2014 08:50 -02 | Atualizado 26/01/2017 20:51 -02

Pelas redes sociais vejo a foto de um jovem amarrado ontem na avenida Paulista, vítima de um trote. O trote foi feito por alunos de uma faculdade de comunicação (Cásper Líbero), vejam só, de relações públicas e propaganda -- gente que escolheu profissionalmente se comunicar produtivamente.

A imagem me fez lembrar o rapaz espancado e acorrentado no Rio, acusado de cometer crimes. O que se seguiu a essa imagem foi uma onda de solidariedade aos "justiceiros" -- só isso já mostra até onde vai a doença da violência.

A cena ofereceu momentos de glória para uma apresentadora de TV (Rachel Sheherazade) que, em essência, disse o seguinte: a sociedade está cansada de impunidade e aquele tipo de revide quem sabe funcione. Recebeu centenas de milhares de aplauso.

Não vou comentar o que ela falou. Mas só registrar que esse tipo de postura ganha apoio na sociedade, devido à insegurança generalizada. Entre os apoiadores da apresentadora, Paulo Maluf, que, como sabemos, fez muito menos delinquências do que aquele jovem acorrentado.

Para completar, ainda estamos todos chocados com a morte do cinegrafista no Rio, vítima dos Black Blocs, que se transformaram, vejam só, em força politica -- mas são apenas delinquentes.

Enquanto isso, Fábio Porchat é ameaçado de morte porque fez um vídeo (ótimo, aliás) para o Porta dos Fundos denunciando, pelo humor, a violência policial.

Sinceramente, dá vontade de vomitar.

Nota do editor

A jornalista e professora da Cásper Líbero Bianca Santana escreveu esta nota de repúdio ao trote sexista e violento. É importante compartilhá-la também:

- Indignação, tristeza e vergonha na comunidade casperiana

Lucas Pretti