OPINIÃO

Mergulhar era uma atividade que nem sempre gostei...

O mar está cheio de surpresas e não tem nada melhor como entrar (ou mergulhar) num mundo desconhecido.

22/03/2017 17:07 -03 | Atualizado 03/04/2017 18:57 -03

Tudo começa numa aula teórica que segue rápido para uma piscina, onde você tem que respirar por um "bagulho de plástico" (só isso já me dava um desespero!). Se você acha isso fácil, OK, mas espera até o instrutor pedir a máscara, quando você ainda está no fundo da piscina, para devolvê-la com tudo embaralhado, sem visibilidade alguma!

Divulgação Família Schurmann

Tonga

Como tudo que é novo na vida, dá um pouquinho de frio na barriga. Esse grande desafio (de aprender a mergulhar) é algo que todos precisam passar para completar o primeiro curso de mergulho.

Mas não estou aqui para te assustar! Estou aqui para te mostrar como tudo isso valeu a pena. Mergulhar nos dá uma sensação incrível!

Algo que eu sei, de fato, é que não tem lugar no mundo que seja igual ao fundo do mar! E olha que a gente rodou, hein! A sensação de desligamento com o barulho do mundo junto com as pessoas e coisas é um momento de paz e reflexão sobre a beleza do nosso planeta.

Divulgação Família Schurmann

Tonga

Nunca fui até o espaço, mas acredito que deve-se sentir a mesma sensação...

Enquanto preparamos os tanques, imaginamos o que iremos ver: tartarugas, arraias, baleias, "Nemo" (peixe palhaço) ou o grande tubarão?! A curiosidade não tem limite.

Durante o preparo dos equipamentos de mergulho e fotografia, é preciso estar focado para encarar aquele mar azul... O mesmo mar azul que estimula vários questionamentos para os quais ainda não temos respostas. Aquele mesmo mar azul que separa continentes e, de acordo com teorias, gerou o início da nossa existência.

Divulgação Família Schurmann

Ilha Ducie

Sabe, o oceano tem "duas caras"! Uma face representa a imagem externa, mais visível, que transmite uma sensação de grandeza e força. A outra, aquela vista apenas quando imerso, apresenta um tom de azul que te "engole" enquanto você escuta o barulho constante da sua própria respiração te trazendo uma tranquilidade.

Porém, o mais incrível desse ambiente é o ecossistema em si! Tudo funciona sozinho, com regras e atitudes que acontecem de acordo com o instinto. É incrível ver os cardumes de peixes nadando juntos, as paredes de coral se construindo e as correntes de mar fluindo com calma, seguindo sua própria natureza.

Divulgação Família Schurmann

Grande Barreira de Corais - Austrália

Durante a Expedição Oriente, realizamos mais de 50 mergulhos e, durante todos eles, eu me apaixonei por estar vivenciando aquela experiência! O mar está cheio de surpresas e não tem nada melhor como entrar (ou mergulhar) num mundo desconhecido. E pensar que eu, aspirante a mergulhador, não imaginava o quão incrível seria poder experimentar essa sensação repetidas vezes...

Para te inspirar a mergulhar por cores e mundos "escondidos", assista a um dos momentos inesquecíveis (e debaixo d'água) da nossa Expedição Oriente, registrado na Polinésia!

Demais, né? Porém, infelizmente, a beleza do fundo do mar vem sendo ameaçada. Já mencionei a quantidade de plástico que encontramos em diferentes destinos por onde passamos. Agora, de volta ao Brasil, nos deparamos novamente com essa triste realidade. Veja o que encontramos recentemente numa linda praia do litoral brasileiro. Se na areia tinha essa quantidade toda de lixo, o que pode estar debaixo d'água?

Abraços,

Emmanuel

*Este artigo é de autoria de colaboradores do HuffPost Brasil e não representa ideias ou opiniões do veículo. Mundialmente, o Huffington Post é um espaço que tem como objetivo ampliar vozes e garantir a pluralidade do debate sobre temas importantes para a agenda pública.

LEIA MAIS:

- 5 coisas que acontecem quando você fica 30 dias, literalmente, no meio do oceano

- Construímos oceanos de plástico e isso não é nada legal

Destinos incríveis da Família Schurmann