OPINIÃO

Apesar dos lucros, Banco do Brasil presta um péssimo serviço a clientes de São Miguel do Gostoso e Touros

10/06/2014 10:16 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

O Banco do Brasil é um banco público, que atua livremente no mercado e tem altíssima lucratividade - tão ou mais elevada quanto a de bancos privados como Bradesco e Itaú. Mas o serviço do Banco do Brasil de atendimento ao público, principalmente em cidades pequenas do interior do Brasil, em especial no Nordeste (foto), é de péssima qualidade.

Vejamos o caso da agência do Banco do Brasil em Touros (RN). O cenário ali é de horrores. A agência está sempre entupida de gente, com pessoas esperando horas para serem atendidas. É comum ver idosos e pessoas com deficiência física se espremendo no meio do público, praticamente sem nenhum tipo de atendimento especial.

Agora vejamos o caso de São Miguel do Gostoso. Na cidade, onde não há agência do Banco do Brasil, havia apenas um posto bancário que foi explodido por criminosos em novembro do ano passado. Sete meses depois, o banco não moveu praticamente uma única palha para reestruturar seu atendimento na cidade.

Quem quiser fazer operações com o Banco do Brasil - e muita gente na cidade, entre os quais funcionários públicos, são clientes do BB -, tem que se deslocar 27 km até Touros, pagar o transporte do seu próprio bolso e enfrentar horas a fio o circo dos horrores que é o atendimento daquela agência bancária.

É bom dizer que a culpa não é da gerência do BB em Touros. Percebe-se que, por mais que o gerente local se esforce, a agência funciona precariamente. Nesta segunda-feira (9/6), por exemplo, não havia dinheiro nos caixas eletrônicos. A funcionária que abastece os caixas havia saído para o almoço e só voltou às 15h.

Vamos voltar ao caso de São Miguel do Gostoso. Como não se pode fazer saques na cidade - há apenas a agência dos Correios, sempre com muitas filas, onde se pode sacar dinheiro do BB - grande parte do movimento da agência de Touros é gente de fora, em especial de São Miguel do Gostoso.

Se o BB tivesse interesse em manter um bom serviço, bastaria desafogar a agência de Touros, implantando uma agência - ou mesmo um bom posto de serviço - em São Miguel do Gostoso. A cidade é o terceiro maior polo turístico do RN - e muitos clientes e turistas ficam desesperados sem ter onde sacar dinheiro.

Mas se trata aqui de uma estratégia comercial - onde o foco maior é o lucro. Se a cidade é grande, com fortes investimentos, o BB tem ótimas agências e uma qualidade de serviço ao público que se compara ao prestado por bancos privados. Se é uma cidade pequena, pobre, o cliente que se lixe - fica horas na fila, esperando atendimento.Muitas vezes volta prá casa sem ser atendido.

Prefeitura oferece casa

Agora a Prefeitura de São Miguel do Gostoso ofereceu espaço - uma casa vizinha à Assembléia de Deus, na avenida dos Arrecifes - para que o BB volte a abrir seu posto bancário na cidade. Mesmo assim ainda não se sabe quando isso será possível. A proposta ainda está tramitando por esferas técnicas do BB.

Enquanto isso não se resolve, São Miguel do Gostoso, assim como Touros, tem seríssimos problemas de atendimento do BB. Parece até que este banco tem serviços diferenciados para seus clientes. Os de cidades grandes, como São Paulo - e até mesmo Natal - têm agencias com boa estrutura para o atendimento.

Quando se trata de cidades médias e pequenas, as agências, quando existem, são apertadas, entupidas de gente e sem nenhum atendimento de qualidade. E há um descaso especial com cidades menores, como São Miguel do Gostoso, há sete meses sem o menor sinal do posto de serviço que foi explodido por bandidos e esquecido pelo BB.

Em tempo: a situação de São Miguel do Gostoso ficou ainda mais complicada com o fechamento, na semana passada, da agência lotérica da cidade. Até pagamentos de contas - como carnês bancários, luz e telefone - ficou complicadíssimo de ser feito. O cidadão tem que se arrastar até Touros para pagar estas contas.

Abaixo, links que vão indicar como encaminhar reclamações contra o péssimo atendimento do Banco do Brasil. Você pode também reclamar na Ouvidoria do BB ou encaminhar sua reclamação para o Banco Central, a quem cabe fiscalizar o sistema bancário.

http://www.bb.com.br/portalbb/page3,101,2700,0,0,1,6.bb

http://www.bcb.gov.br/?RECLAMACAODENUNCIA

http://www.idec.org.br/consultas/dicas-e-direitos/problemas-com-bancos-saiba-onde-e-como-reclamar

http://www.reclameaqui.com.br/noticias/noticias/itau-e-bb-lideram-as-reclamacoes-contra-bancos_182/

Texto publicado originalmente no blog noBalacobaco.

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.


Para ver as atualizações mais rápido ainda, clique aqui.