OPINIÃO

Sabores da Ásia: Melhores pratos para incluir no cardápio da sua viagem

09/09/2015 13:06 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:34 -02

As lembranças de uma viagem pela Ásia têm cor, gosto e cheiro de comida de rua. Não importa aonde a estrada lhe leve, barracas e carrocinhas vão sempre cruzar seu caminho e esbanjar o melhor da culinária local logo ali na calçada, entre pedestres, camelôs e motos.

Você pode até pensar em resistir por conta do excesso de pimenta ou das questionáveis condições de higiene, mas voltar pra casa sem se aventurar por alguns dos tradicionais pratos do continente é deixar de lado um dos aspectos mais interessantes -- e saborosos -- da sua viagem.

Então, prepare seu estômago e caia de boca!

2015-09-08-1441700757-1661463-edit_IMG_4646.jpg

Mercado de rua em Luang Prabang, Laos (Foto: Clarissa Ferreira)

TAILÂNDIA

Esqueça as aranhas, baratas e vermes no espeto que fazem sucesso entre os turistas que se espremem na fervorosa Kao San Road, em Bangkok.

Para degustar o melhor da culinária tailandesa não precisa ter estômago forte, basta conseguir tolerar uma boa dose de pimenta ou lembrar-se de dizer um sonoro "not spicy" antes de pedir qualquer prato.

O tradicional Pad Thai -- macarrão de arroz com amendoim, legumes, ovo e camarão -- pode ser encontrado nos mercados de rua por todo o país.

Já nos restaurantes, os currys são a pedida certa, mas entre tantas variações disponíveis vale a pena ter em mente que o curry verde é o mais apimentado enquanto o masaman é o mais gentil ao paladar ocidental.

Seja qual for a sua escolha, não se esqueça do fried rice e da cerveja gelada para acompanhar.

VIETNAM

Quando o choque de atravessar uma rua tomada por motocicletas sem sinal nem faixa de pedestres passar, você vai começar a reparar na fumaça que emana das carrocinhas de comida na calçada.

Trata-se do escaldante caldo do Pho, sopa tradicional vietnamita que fica ainda mais gostosa quando se está inebriado pela poluição e pelo barulho do trânsito caótico de cidades como Hanói ou Ho Chi Minh.

Tanto faz se no café da manhã, almoço ou jantar -- o caldo de carne estará sempre fervendo e pronto para cozinhar o que você jogar lá dentro: macarrão de arroz, broto de feijão, vegetais, ervas e pedaços de carne.

Cuidado com a língua e bom apetite!

2015-09-08-1441701613-6166264-IMG_1384.JPG

(FOTO: Clarissa Ferreira)

CAMBOJA

Após um dia de caminhada sob o sol nos templos milenares de Angkor, poder recuperar as forças com o melhor da culinária khmer é tudo o que um viajante bom de garfo pode sonhar.

Leite de coco, capim-limão, curry e coentro são apenas alguns dos ingredientes que deixam qualquer refeição no Camboja aromática e deliciosa, seja no pé sujo na beira da estrada ou em um restaurante fino para turistas.

O queridinho entre os visitantes é o amok, prato que leva peixe de água doce coberto por folhas de bananeira cozido no vapor e que, acompanhado de arroz de jasmin fresquinho, faz jus à fama.

Um sticky rice com manga e coco de sobremesa encerra a refeição e mais um dia quente no sudeste asiático.

LAOS

Uma vez viajando pelo país que mais produz sticky rice no mundo, espere comê-lo em todas as refeições do dia. Não é uma tarefa difícil, uma vez que o arroz glutinoso, como é chamado em portugês, é surpreendentemente saboroso.

A estrela da culinária nacional, porém, é o laap, salada de carne marinada com folhas verdes, menta e temperos variados. Em sua forma mais tradicional, o prato pode trazer miúdos e outros órgãos levando seu estômago a talvez optar pela opção vegetariana com cogumelos e tofu.

Mas atenção: apesar da aparência inofensiva, a salada pode ser extremamente apimentada para paladares menos acostumados.

2015-09-08-1441700900-4806551-edit_IMG_4835.JPG

Produção de sticky rice no Laos (Foto: Clarissa Ferreira)

CINGAPURA

As múltiplas origens étnicas dessa pequena ilha do sudeste asiático dificultam a definição de um prato absolutamente autêntico do país. Nos hawker centers, praças de alimentação onde é servida comida a preços populares, é possível encontrar o melhor das culinárias chinesa, malaia e indiana, mas todos concordam que o prato nacional é um só: o hainanese chicken rice, trazido pelos primeiros imigrantes chineses vindos da província de Hainan.

O segredo está no arroz que, cozido em caldo de galinha, é oleoso e aromático e vem acompanhado de pedaços tenros de frango, vegetais salteados com molho de ostra e chilli à parte.

Antes de seguir seu caminho, faça um pit-stop em uma das muitas barracas de fruta e peça um suco de dragon fruit (pitaia) com bastante gelo pra viagem.

O calor da Ásia te espera lá fora para a digestão...

MAIS VIAGEM NO BRASIL POST:

Os 11 destinos com o melhor custo-benefício

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: