OPINIÃO

E aí, vamos comer?

05/02/2015 12:20 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:11 -02
divulgação

Com várias atrações pipocando a cada metro do evento, palestras e convidados, a última coisa em que os campuseiros se preocupam é com a alimentação.

No primeiro dia de evento, alguns freqüentadores se surpreenderam com o valor dos lanches oferecidos nas quatro lanchonetes presentes no evento: Casa do Pão de Queijo, Domino's, Black Dog e A Cafeteria no Fim do Universo.

A média de preços dos lanches gira em torno de R$20 e, dependendo do local, acaba sendo nem um pouco satisfatório.

Diego Oliveira, 25, audiodescritor e veterano da Campus Party, comenta que os preços sempre acabam sendo um pouco mais caros que o normal. "Sempre são salgados, essa é a verdade. A questão é quão justo esse salgado é." Ele cita o valor da pizza (que gira em torno de R$18).

Também há o catering, oferecido pela Texas Grill, que serve café da manhã, almoço e jantar. Antes do início da feira, foi ofertado um pacote para os seis dias de evento por R$240 que foi a opção de boa parte dos campuseiros, mas não de Diego. "Todo ano vai ficando cada vez mais caro, a comida não muda. Eu olhei sim, eu pensei em comprar [o pacote], mas no fim não valia", falou, explicando sua decisão de não comprar o pacote de alimentação.

"Durante uma semana eu não me importo tanto de ficar na pizza a noite e no miojo de dia, porque é Campus Party e é meio que 'na zoeira' tudo (...) Eu prefiro comer [no catering] quando tô no meio da semana e eu vejo que 'ah, eu preciso de um nutriente agora' aí eu vou e como, mas para a semana inteira não vale, porque você vai enjoar, não tem variedade suficiente". Ele falou, enquanto ria e dava de ombros.

Então, se você vem para a Campus, prepare o bolso porque por aqui a comida anda um pouco salgada.