profile image

Victor Longo

Jornalista, baiano, gay, negro e vegetariano, acredita que a tecnologia pode mudar o mundo

Jornalista formado pela UnB, Victor Longo tem passagens por veículos impressos e online de Brasília e Salvador. Escreve sobre Mundo, Economia, Política, Meio Ambiente, Cidades e Comportamento. No jornalismo econômico, foi um dos vencedores do Prêmio Sebrae de Jornalismo na Bahia, com matérias sobre pequenos negócios em uma revista especializada. No jornalismo ambiental, foi finalista do Prêmio Abrelpe de Jornalismo, em 2013, com uma matéria sobre tecnologias para o tratamento de resíduos sólidos. Baiano e soteropolitano, Victor é membro de algumas minorias: nordestino, afrodescendente, gay e vegetariano. Milita no Instagram (@freeveganloves) com um perfil pró-LGBT e receitas veganas. Ultimamente, tem se arriscado como usuário Python.
JIM WATSON via Getty Images

Por que o Brasil deve desobedecer às recomendações do FMI

Se quiser voltar a crescer economicamente e de forma sustentável, o governo federal deve desobedecer as recomendações divulgadas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI). Em relatório, o FMI sugere que o Brasil aumente impostos para recuperar o controle sobre as contas públicas. Apesar do grave descontrole das nossas contas, a sugestão do FMI é sem cabimento e a entidade parece desconhecer a realidade tributária do Brasil.
25/07/2016 12:21 -03
ASSOCIATED PRESS

Por que o caso Jucá deveria unir 'petralhas' e 'coxinhas' contra Temer

A divulgação das gravações entre o senador Romero Jucá e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, evidencia que os esforços para conter a Operação Lava-Jato e parar o combate à corrupção vêm de todos os lados. E o pior: que o PMDB, do presidente em exercício Michel Temer, está no centro desse movimento. E você, petralha; você, coxinha, vai ficar parado?
24/05/2016 17:30 -03
Bloomberg via Getty Images

O que esperar de um governo liderado por Michel Temer?

As dicas estão em um documento intitulado "Uma Ponte para o Futuro", divulgado pelo PMDB em outubro do ano passado. Considerado o plano perfeito dos investidores pela Financial Times, o documento foca nas finanças públicas, sinaliza austeridade fiscal e até cogita mudanças na Constituição, abrindo espaço à descontinuidade de programas sociais. Veja abaixo as 10 ações sinalizadas pelo documento.
12/05/2016 09:10 -03
Photo By Gervanio Guimaraes via Getty Images

5 provas de que só há impeachment porque a situação do País está doendo no seu bolso

Mas você deve estar se perguntando: e o que as tais pedaladas fiscais e créditos suplementares têm a ver com isso? Muitos dizem que essas práticas são apenas um pretexto para a realização do impeachment. Mas, na verdade, o que elas fizeram foi endividar o Brasil e, com isso, reduzir a capacidade do governo de gastar mais dinheiro. Isso quer dizer menos capacidade de investir em tudo, inclusive em avanços sociais e em melhorias econômicas. Uma vez mais, é o seu bolso que está em jogo.
11/05/2016 19:28 -03
Bloomberg via Getty Images

8 coisas que Dilma Rousseff disse, mas não disse

Em pronunciamento e entrevista à imprensa divulgados via Facebook um dia após a votação do impeachment na Câmara dos Deputados (assista ao vídeo abaixo), a presidente Dilma Rousseff usou argumentos frágeis para defender-se e sugerir que há ilegalidades no processo. Esses mesmos argumentos têm sido repetidos à exaustão nas redes sociais, mas são carregados de falácias e meias-verdades. Ao expor o que a presidente disse (mas não disse), espero contribuir para o debate.
25/04/2016 10:13 -03
Adriano Machado / Reuters

Impeachment é democrático. Dilma não é intocável

Dilma, a presidente eleita democraticamente, é a chefe do poder Executivo. O poder Legislativo, eleito democraticamente, é a Câmara e o Senado, que têm entre suas responsabilidades garantir que Dilma, a presidente, não cometa erros ou crimes políticos. Ao Poder Judiciário, o mais complexo, cabe o julgamento de crimes comuns e a supervisão da legalidade nos processos políticos. Desrespeitar os limites desses três poderes é não só um atentado contra a nossa república, mas também se configura em... Crime de responsabilidade. Fique de olho!
06/04/2016 17:32 -03