profile image

Danilo Santos de Miranda

Diretor regional do SESC SP

Especialista em ação cultural, é diretor do SESC – Serviço Social do Comércio no Estado de São Paulo. É formado em Filosofia e Ciências Sociais, realizou estudos complementares de especialização na Pontifícia Universidade Católica e na Fundação Getúlio Vargas de São Paulo e no IMEDE - Management Development Institute, de Lausanne, Suíça. Foi Presidente do Comitê Diretor do Fórum Cultural Mundial em 2004 e presidente do comissariado brasileiro do Ano da França no Brasil em 2009. Atua como conselheiro em diversas entidades dentre as quais Fundação Itaú Cultural, Fundação Padre Anchieta, Museu de Arte Moderna de São Paulo, Movimento Nossa São Paulo e como membro da Art for the World, com sede na Suíça. Foi vice-presidente do ICSW - Conselho Internacional de Bem Estar Social de 2008 a 2010. Nos últimos anos tem participado ativamente como conferencista em eventos nacionais e internacionais e sido agraciado com homenagens de reconhecimento ao seu desempenho em favor da cultura como a de Comendador da Ordem Nacional do Mérito do Governo Francês e a Grande Cruz do Governo Alemão.
divulgação

Sem saudades da Amélia: mulheres em movimento

Na semana do Dia Internacional da Mulher me agradou uma ação para o incentivo à prática de esportes e atividades físicas, realizada pela campanha Move Brasil, do qual o Sesc é um dos movedores. A ação, chamada #MoveMulher, é uma ideia simples e me parece bastante estimuladora por incentivar as mulheres a relatarem a importância das práticas esportivas e físicas, em suas vidas, por meio de vídeos nas redes sociais.
06/03/2015 17:33 -03
reprodução

Yalo, o filho da guerra

Yalo se descobre, evolui, se inicia na vida, no sexo e na marginalidade e tenta todo tempo contar a sua história. Tudo isto numa linguagem ora onírica ora discursiva onde a habilidade de um escritor com as características da literatura oriental aparece de modo exuberante. Muitas imagens poéticas, as metáforas muito frequentes no linguajar dos povos do oriente médio, além de uma profundidade espiritual riquíssima e sem pieguice.
20/02/2015 19:06 -02
divulgação

Tomie, notas sobre uma artista ímpar

Muitas saudosas menções e palavras de despedida serão elaboradas em honra da artista Tomie Ohtake, que nos deixou, aos 101 anos. Figura das mais queridas e respeitadas na arte brasileira, Tomie realizou uma obra potente e icônica para todos nós, que podem desfrutar de seu generoso entendimento do papel da arte, pelas inúmeras obras públicas a que a artista se dedicou ao longo da vida.
13/02/2015 18:46 -02
danilo miranda

'Venho de uma viagem de férias direto do Planeta Água'

Estava em Alter do Chão, a beira do Tapajós, defronte do fabuloso rio, próximo da sua foz no Amazonas, do qual é tributário e com o qual rivaliza em volume e dimensão naquele ponto. Experimentando o contato com aquela população ribeirinha pude perceber o significado central da água na vida e no ambiente daquelas paragens.
12/02/2015 18:55 -02
rafael pimentel

'Você tem fome de que?'

É o momento de darmos um passo para trás e refletirmos sobre as grandes mudanças nos hábitos alimentares ocorridas nas últimas décadas e a relação disso com a ascensão das doenças trazidas pelo junk food.
17/12/2014 19:44 -02
Jay Blakesberg

Kronos além do tempo

Incrível ouvir e assim, ouvindo, ver com os olhos fechados. Cores, luzes em ondas variadas. Formas sem definição, com intensidade maior ou menor numa viagem inimaginável, mas cheia de sugestões e plenitudes. Assim é a experiência de entrar na vibração do Kronos Quartet nestes dias de Festival de Música de Câmara.
09/12/2014 17:45 -02
Flickr

Eleições: memórias e esperanças

Alguns dos que estão hoje em lados opostos entre si e se aliaram a outros, remanescentes do lado opressor e antidemocrático daqueles tempos, parece, na prática, quererem restabelecer um novo paradigma de morte da esperança.
02/10/2014 18:32 -03
Divulgação

"Afinal, quem matou a velha?"

Por 100 minutos de absurdez, Wilson destrincha todas as ligações paradoxais, ridículas, insensatas, tolas, incoerentes típicas do contra-senso, mas igualmente há um encantamento pela melancolia.
05/08/2014 09:55 -03