COMPORTAMENTO
24/01/2018 19:48 -02 | Atualizado 24/01/2018 19:53 -02

12 dicas para se reconectar com a natureza e fugir do caos em São Paulo

É mais fácil do que você imagina.

Divulgação/Fundação Ema Klabin
Lugares para visitar em SP.

Nessa quinta-feira (25), São Paulo comemora 464 anos. A capital paulista é reconhecida pela dura poesia concreta de tuas esquinas, como cantou Caetano Veloso.

Mas será que é possível encontrar um pouco de paz em meio ao caos de São Paulo?

Sim. E é mais fácil do que você imagina. A capital paulista possui mais de 63 áreas espalhadas pela cidade, entre parques estaduais e municipais.

Listamos 12 dicas de lugares para você, paulistano ou turista, desacelerar e fugir da rotina.

Para se reconectar com a natureza

Parque da Água Branca

Divulgação/Governo de SP
Visite o Parque da Água Branca, em São Paulo.

Localizado na Avenida Francisco Matarazzo, o Parque da Água Branca também possui uma progrmação de cursos e oficinas, para além da estrutura do próprio parque.

Pavilhão Japonês, no Parque Ibirapuera

Divulgação
Viste o pavilhão japonês no Parque Ibirapuera.

O Parque Ibirapuera é um destino certeiro para quem busca mais contato com o verde em São Paulo. Mas você conhece todas as "surpresas" do parque? Uma delas é o Pavilhão Japonês. O recanto de calmaria foi um presente da colônia japonesa em 1954.

Viveiro Manequinho Lopes, no Parque Ibirapuera

Divulgação
Conheça o viveiro Manequinho Lopes, no Parque Ibirapuera.

Também no Ibira, o viveiro é um ótimo passeio para quem gosta de admirar e conhecer mais sobre flores e cultivos. O acervo comporta mais de 200 espécies.

Fundação Ema Klabin

Divulgação
Conheça a Fundação Ema Klabin.

O casarão em meio ao Jardim Europa abriga exposições e cursos. O jardim, aberto para visitação, é perfeito para uma pausa na rotina.

Parque do Carmo

Divulgação
Visite o Parque do Carmo.

Inaugurado há mais de 30 anos, o Parque do Carmo é conhecido por seus bosques de cerejeiras. Mas vai além disso: Lá, você pode visitar o Museu do Meio Ambiente e passear entre os eucaliptos e lagos.

Orquidário Parque Villa Lobos

Divulgação
Conheça o Orquidário no Parque Villa Lobos.

Os visitantes do Parque Villa Lobos podem conhecer mais sobre as orquídeas nesse espaço dedicado às flores.

Represa de Guarapiranga

Divulgação/Tempo Wind & Sup Clube
Esportes na represa de Guarapiranga.

Stand up, remo e vela: Não são poucas as atividades oferecidas na represa de Guarapiranga. Escolas privadas de esportes aquáticos oferecem diversas atividades para quem quer fugir do asfalto sem precisar sair da capital.

Para ficar zen

Mosteiro São Bento

Divulgação/Mosteiro São Bento
Visite o Mosteiro São Bento.

No coração do centro de São Paulo, o Mosteiro São Bento chama atenção por sua arquitetura e é frequentado por religiosos e ateus. Mais que a espiritualidade, as aulas de canto gregoriano no Mosteiro também atraem o público. A padaria do Mosteiro, famosa por sua fermentação própria, também vale a visita.

Templo Zu Lai

Divulgação/Templo Zu Lai
Você conhece o templo Zu Lai?

Em Cotia, o Templo Zu Lai é um espaço dedicado ao budismo. Além da visita, o Templo possui cursos de meditação e retiros.

Yoga no Parque Ibirapuera

Divulgação/Leela Yoga
Aulas de yoga no parque Ibirapuera.

Aos sábados, o Ibirapuera possui aulas de yoga abertas ao público em sua programação oficial.

Solo Sagrado

Divulgação

O Solo Sagrado foi construído pela Igreja Messiânica Mundial do Brasil às margens da represa de Guarapiranga. No espaço são realizados cultos e aulas de meditação.

As imagens da 21ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo