COMIDA
19/01/2018 17:52 -02 | Atualizado 19/01/2018 17:59 -02

Como conseguir a atenção de um bartender

E outras coisinhas que os bartenders queriam que você soubesse.

N+T* via Getty Images
We talked to bartenders about how to stand out as a customer. 

Imagine a cena: o ambiente provavelmente está mal iluminado, com muita gente e muito barulho. Tudo o que você quer é um bom drinque gelado. Sim, você está num bar e está torcendo para se destacar de alguma maneira e conseguir que o bartender lhe dê atenção, no meio de um mar de pessoas sedentas que querem exatamente a mesma coisa. Como fazer?

Conversamos com dois bartenders para entender como fazer para que eles o vejam e o que lhe fará ser um bom cliente (ou um mau cliente, é claro).

Os conselhos dados pelos dois bartenders podem ser resumidos em duas palavras: tenha paciência. Gita D. é bartender há 12 anos e meio, trabalhando em Los Angeles, Califórnia, e também na Flórida. Ela disse ao HuffPost que o que mais a irrita é quando um cliente vê claramente que ela está ocupada, mas tenta interrompê-la para fazer seu pedido.

"Você está correndo de um lado para outro e meio que falando sozinha – 'aquele cara quer uma Stella; esse sujeito aqui pediu uma margarita, um Old-Fashioned e um martini. Preciso fechar a conta de Jones'. A coisa mais irritante é quando alguém se mete no meio e tira você de sua concentração, pressupondo que eu não estou fazendo nada, mesmo quando é evidente que estou diante do computador."

Will D., 27 anos, é bartender em tempo integral no Alabama. Ele reiterou as palavras de Gina.

"Você não é a única pessoa que estamos atendendo", ele disse. "Sim, você é importante para nós, mas permita que a gente divida nosso tempo com outros convidados. Pense nisso antes de falar conosco ou mesmo quando quiser pedir mais coisas."

Se você quiser chamar a atenção do bartender, disse Will, "basta um simples aceno ou contato com os olhos". Gita também sugeriu o contato pelo olhar, mas acrescentou que não estar falando ao telefone e ficar com seu dinheiro ou cartão na mão, prontos, pode ajudar.

"Se você estiver pedindo bebidas para mais pessoas, não apenas para você, tenha a lista pronta na cabeça. Chegue já sabendo o que seus amigos querem beber. Se você tiver um cartão de crédito ou dinheiro à vista, isso é sinal de que quer fazer um pedido. Se estiver com o cartão ou dinheiro na mão, pronto para pagar, isso para mim é o melhor sinal."

Mas o especialista em drinques David Wondrich, falando ao New York Times, observou que estar com o cartão ou o dinheiro na mão, pronto para gastar, é diferente de ficar acenando de um jeito antipático com cartão ou dinheiro na mão.

Quanto às gorjetas, os dois bartenders disseram que a regra é dar gorjeta de 20%. Will disse ao HuffPost disse que alguns clientes deixam US$1 por bebida no caso dos pedidos menores, e isso geralmente é o bastante. Gita sugeriu que ao dar a gorjeta você leve em conta o estilo do bar e a complexidade do seu drinque.

"Se você está num lugar mais bacana, e seu coquetel levar quatro minutos para ser preparado, dependendo da qualidade do coquetel e do estilo do bartender você pode querer lhe dar um dólar, ou dois ou três a mais", ela disse.

Em entrevista ao Lifehacker, dois bartenders também mencionaram que "dar uma gorjeta decente no seu primeiro drinque diz muito sobre você".

Afinal, os bartenders são apenas humanos. E podem ajudá-lo quando você estiver numa situação difícil.

"Nem sei dizer quantas vezes já gritaram comigo ou me xingaram por cometer algum errinho sem importância no trabalho e o quanto isso afeta minha atitude pelo resto daquele turno", disse Will. "Preste atenção em como você fala conosco!"

E os bartenders muitas vezes podem ajudar com outras coisas além de drinques deliciosos.

"Se você estiver bêbado demais, peça ao bartender para lhe chamar um táxi", disse Gina. "Estamos aqui para isso. Se estiver tendo um encontro muito ruim, fale ao bartender. Às vezes você pode estar querendo fugir da outra pessoa, pode estar preocupada com sua segurança física."

Ela acrescentou: "Nosso trabalho é ajudar você a se descontrair. Somos parte da festa. Nosso trabalho é uma curtição."

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.