COMIDA
14/01/2018 21:24 -02 | Atualizado 14/01/2018 21:24 -02

Macron quer que baguete francesa vire patrimônio da Unesco

Campanha começou com padeiros da França, após Unesco reconhecer a pizza na Itália.

Eric Gaillard / Reuters
Baguetes na confeitaria Le Capitole, em Nice, no sul da França.

O presidente da França, Emmanuel Macron, quer que a tradicional baguete seja reconhecida como patrimônio cultural imaterial da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura ).

A campanha para que o pão mais famoso da França receba o título de patrimônio da humanidade da ONU começou com padeiros franceses, após a Itália conseguir, em dezembro, outorgar o status de patrimônio imaterial ao método de fabricação da pizza napolitana.

Em um encontro na sexta-feira (12) com representantes da Confederação Nacional de Panificação, no Palácio do Eliseu, Macron afirmou que apoia a iniciativa, a qual tenta preservar a tradição da baguete, em sua forma e receita.

"Eu conheço os nossos padeiros. Eles viram o sucesso dos napolitanos em classificarem a pizza deles como patrimônio mundial, e disseram: por que não a baguete? E eles estão certos!", elogiou Macron.

A campanha defende que, como a Torre Eiffel, a baguete é um dos maiores símbolos da França.

Leia mais notícias na Ansa