MUNDO

11 provas de que a missão Apollo à Lua NÃO foi uma fraude

Os humanos pisaram na Lua.

28/11/2017 09:38 -02 | Atualizado 28/11/2017 09:38 -02

Neil Armstrong andou na Lua em 21 de julho de 1969. Buzz Aldrin, também. Assim como dez outras pessoas depois deles.

Os humanos pisaram na Lua.

Apesar desse fato, algumas pessoas continuam convencidas de que a missão Apollo 11, a primeira a levar o homem ao satélite natural da Terra, foi uma fraude criada para irritar os russos e testar a lealdade de dezenas de milhares de pessoas envolvidas na maior notícia da história da humanidade.

Até hoje essas pessoas entopem o YouTube com suas provas e teorias de que: (a) humanos não pisaram na Lua, (b) elas perderam completamente a noção da realidade.

Bem, andamos na Lua. Simples assim. Eis 11 provas. Agora calem-se a respeito de uma ver por todas. Vamos parar de discutir e vamos a Marte, o que deveríamos estar tentando desde 1984.

  • 1. Essas duas fotos são do mesmo lugar

    NASA
    Em 2008, uma sonda japonesa obteve provas fotográficas de que o homem chegou à Lua, comparando a imagem à esquerda (da missão Apollo 15), tirada em julho de 1971, com suas próprias imagens 3D. É o mesmo lugar.
  • 2. As imagens 'de estúdio'

    NASA Goddard Photo and Video/Flickr

    Esta foto costuma ser usada para afirmar que há "luzes de estúdio" visíveis no canto superior esquerdo da imagem. Mas não são luzes de estúdio, explica Roger Launius, do Smithsonian National Air And Space Museum. "OK. A NASA vai divulgar uma foto que mostra luzes de estúdio? Hello! As luzes estranhas são simplesmente efeitos da lente", disse ele, sensatamente, à National Geographic.

  • 3. Dá para ver

    NASA Goddard Photo and Video/Flickr
    Há quem diga que, se a passagem do homem pela Lua fosse real, poderíamos enxergar os lugares da Terra, ou então pelo Telescópio Hubble. Não. É longe demais. Por outro lado, conseguimos enxergar os lugares onde pousaram as missões graças à Lunar Reconnaissance Orbiter. De nada.
  • 4. Outras missões já registraram.

    NASA
    Os lugares onde pousaram as missões já foram detectados pela sonda chinesa Chang'e 2, pela sonda indiana Chandrayaan-1e por várias outras agências espaciais independentes (que não receberam financiamento da NASA).
  • 5. Isto

    ... é uma minúscula esfera de vidro (de cerca de 0,6 mm de diâmetro) produzida pelo impacto de um meteorito no solo lunar. "Encontramos partículas de vidro em rochas na Lua produzidas por ação vulcânica explosiva e por impactos de meteoritos há 3 bilhões de anos", explica Marc Norman, geólogo lunar da Universidade da Tasmânia. "A presença de água na Terra decompõe esse tipo de vidro vulcânico em alguns milhões de anos. Essas pedras devem ter vindo da Lua!"
  • 6. E isto

    ASSOCIATED PRESS
    As pedras lunares trazidas da Lua pela NASA são idênticas em todos os pontos vitais àquelas encontradas na Terra.
  • 7. A bandeira estava tremulando, e isso faz sentido.

    ASSOCIATED PRESS
    Uma das afirmações dos que acreditam na teoria da conspiração é que a bandeira americana estaria "tremulando" na superfície da Lua. E isso é perfeitamente normal. Não, não há vento na Lua – mas há inércia. O tecido da bandeira se moveu quando a bandeira foi fincada. E a bandeira também tinha uma vareta na parte superior para manter o tecido esticado – do contrário, ela ficaria caída.
  • 8. Quem tirou as fotos?

    NASA Goddard Photo and Video/Flickr
    Uma das teorias da conspiração diz que a missão Apollo 11 registrou imagens de dois astronautas sem que houvesse uma terceira pessoa para capturá-las. Como explica a National Geographic, havia câmeras na roupa espacial de ambos, além de câmeras na nave.
  • 9. Onde estão as estrelas?

    sjrankin/Flickr
    Uma das afirmações que sustentam a teoria da fraude diz respeito à falta de estrelas no céu nas fotos tiradas da superfície da Lua. Isso acontece porque a Lua é muito clara e, portanto, reflete muita luz do Sol. Não se veem estrelas porque as câmeras não foram capazes de capturá-las.
  • 10. As imagens restauradas são incríveis

    Para comemorar os 40 anos da chegada do homem à Lua, a NASA divulgou uma série de imagens e vídeos restaurados da missão Apollo 11. As imagens são incríveis e detonam a antiga crítica de que os registros da Apollo tinham má qualidade de propósito para obscurecer o fato de que foram feitos em estúdio, ou algo do gênero.
  • 11. Esta expressão

    ASSOCIATED PRESS
    Essa é a cara de uma pessoa que acabou de pisar na Lua (Neil Armstrong), não a cara de uma pessoa que acabou de fingir que pisou na Lua.

Imagens da maior superlua pelo mundo