COMPORTAMENTO

10 dicas de sexo que certamente você nunca tinha ouvido antes

O esforço vale muito a pena.

25/11/2017 18:44 -02 | Atualizado 25/11/2017 18:44 -02

LWA/Dann Tardif via Getty Images

Um pouco de experimentação nunca faz mal para a vida sexual de ninguém.

Para ajudar os casais em relacionamentos de longa data a expandir a imaginação, pedimos a especialistas em todos os Estados Unidos que compartilhassem um conselho não convencional. Veja abaixo o que eles têm a dizer.

1. Masturbem-se juntos

"Que tabu revelar seu prazer secreto, não é?" Toque-se da maneira que você normalmente faria para atingir o orgasmo, exatamente na frente de seu parceiro ou parceira enquanto ele ou ela faz o mesmo. Observar o parceiro e ser observado excita a ambos -- pode dar um ar de pornografia ao vivo." ― Keeley Rankin, terapeuta sexual, San Francisco

2. Dirija sua própria cena de sexo

"Para um casal que está acostumado a fazer sexo 'papai e mamãe' ou mais convencional, pensar sobre o que os deixaria realmente excitados com o parceiro pode mudar completamente o cenário. Tente criar uma história ou uma cena de filme a partir disso. Pense sobre este cenário do começo ao fim, com todos os detalhes. Peça que seu parceiro faça o mesmo. Façam um revezamento compartilhando os detalhes explícitos sobre como estão excitados, o que exatamente aconteceria, o que os dois fariam um com o outro e o que estariam vestindo, como se estivessem contando uma história de um livro pornográfico ou assistindo a uma cena de cinema. Às vezes, apenas ser realmente explícito sobre seus desejos e vocalizá-los pode ser uma mudança suficiente para despertar um relacionamento desgastado." ― Kristin Zeising, terapeuta sexual, San Diego

3. Respire

"Respirar longamente de forma relaxada não é a dica de sexo mais picante, mas é incrivelmente eficaz. Respirar algumas vezes relaxadamente pode ajudar a focar sua atenção novamente na sensação, quando você estiver mentalmente distraído ou ansioso. Respirar também pode aumentar as sensações de excitação e proporcionar orgasmos mais fortes. Caso esteja em dúvida, respire fundo algumas vezes e preste atenção em como seu corpo se sente. Respirar é a ferramenta sexual mais subestimada por aí!". ― Chris Maxwell Rose, educadora sexual e criadora dos cursos on-line Pleasure Mechanics (Mecânica do Prazer)

4. Faça sexo oral sem expectativa de um orgasmo

"Vá além do sexo focado no coito e se apaixone pelo sexo oral. Em vez das mesmas lambidas e truques, tente técnicas diferentes para estimular seu parceiro oralmente, incluindo longas carícias com a língua, chupando levemente todas as partes dos genitais e explorando o corpo de seu parceiro com a boca. Não se apresse e não foque no orgasmo. Em vez disso, foque nas sensações prazerosas para seu parceiro." ― Shannon Chavez, psicóloga e terapeuta sexual, Los Angeles

5. Curta as preliminares

"Sabemos a partir da pesquisa de Rosemary Basson que, frequentemente, especialmente para as mulheres, o desejo é responsivo, não espontâneo. Isso significa que a vontade e estar aberto e receptivo a uma experiência sexual são fundamentais. Quando você está receptivo à estimulação sexual ― tendo seu cabelo afagado, corpo acariciado e sendo beijado ―, na maioria das vezes o corpo responde, e é por meio da excitação que o desejo acende." ― Megan Fleming, terapeuta sexual de Nova York e autora de Invisible Divorce: Finding Your Way Back to Connection (Divórcio Invisível: Encontrando o Caminho de Volta à Conexão)

6. Objetifique seu parceiro

"Muitas vezes, nos transportamos ao amor romântico com nossos parceiros de longa data e paramos de pensar neles sexualmente. Ao fazer isso, paramos de objetificá-los. Objetificação nem sempre é algo negativo em um relacionamento saudável. Pode ser extremamente emocionante e excitante. Eu incentivo os casais a trazer esse lado atrevido, sujo, pervertido de volta ao relacionamento, e integrar seu deus ou deusa do sexo internos na sua persona do relacionamento." ― Moushumi Ghose, terapeuta sexual e autora de Classic Sex Positions Reinvented (Posições Sexuais Clássicas Reinventadas)

7. Invente uma coisa que só você sabe fazer

"Uma das coisas que tornam o sexo com alguém especial e deixam você com gostinho de quero mais é aquilo que só essa pessoa sabe fazer. Se você pensar nos amantes que teve, provavelmente sabiam fazer algo. Escolha uma coisa que você adora fazer e que leva seu parceiro à loucura, e faça aquilo frequentemente, com uma leve variação ou em ambientes novos. Uma das coisas mais excitantes em ter relações com a mesma pessoa é que vocês aprendem uma linguagem não falada que somente os dois compartilham, cheia de segredos picantes." ― Anne Ridley, sexologista e proprietária da butique erótica on-line Modern Aphrodite

8. Faça aquilo em algum lugar onde sabe que não deveria

"A monotonia do quarto ou do carro pode matar a vida sexual. Tente mudar o local, e não estou falando da cama para o chão. Na próxima vez que você for à casa de um amigo para um jantar, de uma escapada para o banheiro. Na próxima vez que estiver em um estacionamento escuro, dê uma rapidinha. Nem precisa ser um coito completo. Faça sexo oral ou use os dedos para obter aquela vibe do "ficar", como nos velhos tempos. O fundamental é criar uma experiência excitante e arriscada, que irá despertar uma energia nova entre vocês dois. Com sorte, essa energia será transferida para o quarto." ― Lisa Paz, terapeuta sexual e de casamento e família, Miami

9. Pare de pensar e deixe seu corpo assumir o controle

"Pare de julgar cada pensamento que tiver e se preocupar se está fazendo o sexo 'certo'. Não há maneira certa ou errada de fazer amor. Simplesmente esteja presente e consciente das sensações do seu corpo e aberto para explorar a gama de prazeres eróticos." ― Janet Brito, psicóloga e terapeuta sexual do Centro para Saúde Sexual e Reprodutiva, Honolulu

10. Seja pegajoso

"Passe um tempo curtindo uma excitação leve quando o sexo não está no cardápio. Muitos casais apenas se preocupam em se excitar quando estão prestes a ter uma relação sexual ― como se sentir excitação fosse algum tipo de estado desagradável que tivesse de ser aliviado o mais rapidamente possível com um orgasmo. Os casais mais felizes curtem estar excitados juntos, mesmo quando não há tempo ou oportunidade de fazer sexo ― é porque apenas se sentem bem. Não precisa ser uma excitação completa ― talvez vocês só estejam se tocando com os pés sob a mesa em um restaurante.

Às vezes, pode ser bom se sentir só um pouquinho excitado ou excitada -- então, deixe a sensação passar, sem ter de caminhar para uma conclusão." ― Stephen Snyder, terapeuta sexual em Nova York e autor de Love Worth Making: How to Have Ridiculously Great Sex in a Long-Term Relationship (Amor Que Vale a Pena Fazer: Como Fazer Sexo Ridiculamente Ótimo em um Relacionamento Duradouro, em tradução livre)

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.

7 passos para ter sexo alucinante