MULHERES

Garota contradiz estereótipos de gênero, e dá a melhor resposta possível a uma pergunta sexista em sua lição de casa

É isso aí, Yasmin! 💪 💪 💪

21/10/2017 02:20 -02 | Atualizado 21/10/2017 14:25 -02

Uma garota deu uma resposta ótima a uma pergunta em sua lição de casa, derrubando estereótipos de gênero.

A questão da lição de casa pedia que Yasmin escrevesse uma palavra para representar "senhora que trabalha em um hospital". O pai dela compartilhou sua resposta no Twitter.

Ela precisava apresentar uma palavra que incluísse as letras "ur". Yasmin escreveu "surgeon" ("cirurgiã").

Seu pai explicou que ele e a mãe de Yasmin são cirurgiões médicos.

Mas a professora de Yasmin, que corrigiu a lição de casa com caneta vermelha, acrescentou uma observação: "ou 'nurse'" (enfermeira).

Várias pessoas no Twitter adoraram a resposta dada por Yasmin. Um usuário, @threecat101, resolveu mudar a nota da menina e escreveu: "resposta nota 10".

(Boa resposta!)

Até enfermeiros homens se envolveram e apoiaram a resposta de Yasmin.

(Como #ENFERMEIRO registrado, aprovo e endosso a resposta "ciURgiã.

Sou HOMEM.

Faço parte de uma minoria. #Estereótipo@HomensEnfermagem)

(Sim, resposta excelente!)

(Uau! Isso mesmo, garota!)

(Outra coisa, nem todos os/as enfermeiros/as são "senhoras".)

Em junho de 2017 uma mãe decidiu reescrever a lição de casa de sua filha, frustrada com a mensagem sexista transmitida pelo texto.

O texto em questão era sobre uma menina que estava triste porque sua mãe estava voltando ao trabalho. Dizia que seu pai, que trabalha fora de casa, não sabia fazer um bom café da manhã.

"Vejam a lição que minha filha trouxe para casa ontem para fazer, ao lado da versão que eu escrevi do mesmo texto", escreveu a mãe quando compartilhou as fotos no Facebook em 23 de maio.

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost UK e traduzido do inglês.

Machismo no Mackenzie (SP): Alunas protestam