MULHERES

A discussão que fez os fãs de 'A Fazenda' lembrarem do comportamento agressivo de Marcos no 'BBB17'

Cirurgião foi expulso do BBB17, em março deste ano, e foi convidado para participar do reality "A Fazenda - Uma nova chance" da Record.

09/10/2017 17:54 -03 | Atualizado 09/10/2017 18:40 -03
Reprodução
O médico voltou a chamar a atenção no último domingo (8) por conta de seu comportamento agressivo no programa.

O cirurgião plástico Marcos Harter, que foi expulso do Big Brother Brasil deste ano, é um dos integrantes do reality show A Fazenda- Uma Nova Chance, da Rede Record. O médico voltou a chamar a atenção no último domingo (8) por conta de seu comportamento agressivo no programa. Ele protagonizou cenas muito semelhantes às que levaram à sua expulsão do BBB17, com Ana Paula Minerato, também integrante do reality.

Após a festa que aconteceu na sexta-feira (6), a dupla compartilhou momentos de intimidade. No domingo, o médico foi questionar a ex-panicat sobre uma frase que ela teria dito a respeito dele a outros participantes. De acordo com Minerato, Harter acredita que "para vencer um reality show é preciso fazer sexo no programa".

Na discussão, Harter não gostou do comentário e alegou que tinha dito a frase de brincadeira. "Escuta, eu nunca falei isso pra você. Mas se eu falei, me diz uma coisa então: porque você transou com alguém que pensa assim?", perguntou Harter.

Ana Paula Minerato, então, respondeu que eles nunca haviam feito sexo e que o ex-brother estava expondo a intimidade dela falando para todo mundo o que eles teriam feito ou não. "A gente não transou e você fica aí me expondo falando essas coisas. Você não tem respeito", disparou a participante.

E Harter responde: "Olha, então acho que está te faltando alguns conhecimentos médicos. Transar não é só penetração. A gente transou."

No diálogo, a intensidade aumenta e Harter fez uso de argumentos de "autoridade" para descredibilizar a fala da participante. Ele questiona a idade dela e avisa que ela já está "bem crescidinha". Pede para que a mulher fale mais baixo e que espere ele terminar de falar. Ainda, direciona que a mulher fique sentada à sua frente.

Argumenta, também, que ele não tem responsabilidade nenhuma diante da exposição ou não da moça, já que ela deveria "assumir" o que tinha feito em frente das câmeras. A repercussão da discussão afetou os outros participantes da casa e também as redes sociais. Os fãs de Minerato criaram a hashtag #MineratoMereceRespeito condenando a atitude do ex-BBB.

Porém, segundo o jornalista Maurício Stycer, a edição do programa não deixou claro o que realmente aconteceu entre os dois. "O que o público viu foi uma edição confusa, que expõe uma briga entre os dois sem que se entenda, realmente, o motivo. A exposição do assunto começa com uma pergunta de Ana Paula a Marcos, difícil de entender", escreveu em sua coluna no UOL.

Ainda segundo o jornalista, a escalação de Marcos Harter para A Fazenda – Nova Chance "obedeceu a uma intenção óbvia: causar confusão e polêmica".

Para quem acompanhou o Big Brother Brasil em 2017, o episódio mais recente de Harter lembrou outras cenas protagonizadas com Emilly, a sua ex-namorada do reality da Globo.

Apontar o dedo e silenciar eram algumas das atitudes comuns para Marcos.

Após a repercussão de cenas de violência e manipulação, o médico foi expulso do BBB17. "Esse caso não pode ficar sem ser apurado. A tortura psicológica que ele pratica é considerada violência doméstica, se enquadra na Lei Maria da Penha. É assim que tudo se inicia. Ele não a ameaçou de morte, por exemplo, mas houve constrangimento tão forte, que ela ficou acuada", disse a delegada Marcia Noeli Barreto, diretora da Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher do Rio (Deam) à época.

Porém, meses depois dos episódios, ele afirma que foi "usado" por Emilly, que foi a grande vencedora do reality. Em um outro momento, em A Fazenda, ele disparou:

"Claro que ela fez isso. Eu fiquei bem magoado. Não fiquei mal porque perdi, porque eu falei o tempo todo que queria que ela ganhasse o programa, mas ela me usou sim pra ganhar. Eu nem acho que eu merecia vencer porque eu sou cirurgião plástico, estou tranquilo. Quando vi gente com muita dificuldade financeira, senti que aquele BBB não era feito pra eu ganhar."

Outras polêmicas

Não é a primeira vez que casos de machismo entram em cena nesta edição de A Fazenda ou que participantes alegam ter suas falas manipuladas na exibição do programa.

No início de setembro, a participante Adriana Bombom falou sobre a violência que sofria do seu ex-namorado, mas seu áudio foi cortado. Ela estava conversando com Conrado e Fábio quando disse que o ex-companheiro a violentou durante quatro anos.

"Às vezes o cara é mais forte que você. Eu fiquei nessas por quatro anos. Tem a imprensa, a mídia, a vergonha da família. Toda vez que pegava a chave para ir à delegacia, eu apanhava de novo", contou.

Após isso, não foi permitido ouvir o com Bombom relatava.

Em outra semana, Dinei resolveu aproveitar que Monique Amin estava dormindo com um roupão entreaberto e deitou ao seu lado.

Os outros participantes chegaram a pedir que ele se retirasse da cama de Monique, mas ele se recusou. Flávia se incomodou e levou a participante para outro cômodo.

O público chegou a denunciar a cena nas redes sociais, mas a produção do programa não se pronunciou.

18 livros para entender mais sobre feminismo e direitos das mulheres