MULHERES

Palmirinha relembra violência doméstica: 'Estava sempre roxa. Mulher separada não era bem vista'

Em entrevista à VEJA, a cozinheira de 86 anos afirmou que tinha um relacionamento permeado de violências com o seu ex-marido.

09/08/2017 14:29 -03 | Atualizado 09/08/2017 14:38 -03
Reprodução

Palmirinha Onofre é a vovó mais sorridente da televisão brasileira, mas poucos conhecem as histórias que ela já viveu.

Em entrevista à VEJA, a cozinheira de 86 anos afirmou que tinha um relacionamento abusivo permeado de violências domésticas com o seu ex-marido.

"Ele me maltratava muito. Eu segurei, porque pensava que, se me separasse, minhas filhas poderiam não ter um bom casamento. Mulher separada não era bem vista", explicou.

Palmirinha, assim como muitas mulheres, só conseguiu sair da relação violenta após 20 anos de casamento.

"Eu estava sempre com o olho inchado, machucada, com roxos pelo corpo."

Com o ex-marido, Palmirinha teve três filhas e foi só após elas entrarem na vida adulta que a cozinheira conseguiu se divorciar. De acordo com ela, todas as vezes em que o ex-marido a violentava, ela tentava esconder das filhas a agressão. Mas muitas vezes as crianças presenciavam a cena.

Após a separação, Palmirinha disse que teve que lidar com a solidão. O medo de ficar sozinha também era um argumento para que permanecesse no casamento.

"Eu me sentia muito sozinha, sentia falta das minhas filhas – duas eram casadas, eu não queria preocupá-las, e a mais nova viajava muito com a senhora para quem eu trabalhei, que era madrinha dela. Sentava no sofá e não tinha vontade nem de comer de tanta saudade (pausa e se emociona). Chorava sozinha. Não tinha ninguém que ficasse comigo. Nunca tive amigas. Minhas amigas eram as minhas filhas", explicou à revista.

Palmirinha não está em nenhum programa de televisão atualmente. Ela já trabalhou ao lado de Ana Maria Braga e teve o seu quadro na TV Gazeta por mais de dez anos. Atualmente, participa de comerciais e escreve livros de culinária.

LEIA MAIS:

- 'Orange Is the New Black': Palmirinha cozinha pratos inacreditáveis para as detentas da série (VÍDEO)

- O apelo da atriz Luana Piovani contra o assédio: 'É preciso quebrar o silêncio'

- Vamos enfrentar o feminicídio no Brasil em 2017

Famosas contra cultura do estupro e violência doméstica