ENTRETENIMENTO

Essa garotinha de 9 anos quer ser a próxima Whitney Houston (e tem tudo para isso)

O 'vozeirão' de Angelica Hale deixou os jurados do 'America's Got Talent' de queixo caído.

24/07/2017 14:52 -03 | Atualizado 24/07/2017 14:52 -03
Divulgação
Angelica Hale cantou "Girl On Fire", de Alícia Keys, na semana passada.

Angelica Hale já mostrou que idade não é documento quando o assunto é cantar. Com apenas nove anos, a americana de Georgia, Atlanta, impressionou os jurados e o público em suas apresentações por sua potente voz e história de superação.

Aos quatro anos de idade, Hale contraiu uma infecção grave nos pulmões, chamada sepse, o que resultou em uma pneumonia. Ela precisou de um transplante de rins e sua mãe, Eva Hale, conseguiu ser uma doadora compatível.

O drama, no entanto, não impediu que Angelica seguisse em frente com seu maior sonho: ser uma cantora famosa.

Em sua estreia no show de talentos americano America's Got Talent, a garotinha deixou claro seus objetivos: "Eu quero ser a próxima Whitney Houston. Eu quero ser uma superstar", explicou Angelica aos jurados. "E eu estou tão feliz de estar aqui hoje porque eu sempre assisti o programa no YouTube e agora estou aqui. E eu vou ganhar", acrescentou.

E ela falava sério.

Assim que Angelica Hale começou a cantar Rise Up, de Andra Day, todos -- inclusive o jurado Simon Cowell -- ficaram de boca aberta com seu talento:

Na semana passada, Angelica acertou mais uma vez com Girl On Fire, de Alicia Keys. Sua performance foi tão impressionante que o jurado Chris Hardwick usou o botão Golden Buzzer (que a salvou da eliminação imediatamente):

Ela não é adorável? 😍

LEIA MAIS:

- Por que a apresentação desta jovem no American's Got Talent está emocionando todo mundo

- A experiência de Pitty e a desromantização da maternidade: 'Não é fácil, é foda'

5 motivos pelos quais valeu esperar tanto por um filme da Mulher Maravilha