ENTRETENIMENTO

'Mulher Maravilha' é o filme dirigido por uma mulher com maior bilheteria em estreia nos EUA

Longa dirigido por Patty Jenkins arrecadou de US$ 100,5 milhões no fim de semana de estreia.

04/06/2017 15:23 -03 | Atualizado 04/06/2017 16:56 -03
Divulgação
Gal Gadot brilha na pele da heroína da DC.

Mulher Maravilha acaba de se tornar o filme dirigido por uma mulher com maior bilheteria no fim de semana de estreia dos Estados Unidos.

De acordo com a revista Variety, a produção conquistou US$ 100,5 milhões nas exibições em 4.165 salas de cinema do país.

Com tal feito, a diretora Patty Jenkins ultrapassa o recorde que até então pertencia a Sam Taylor-Johnson, diretora de Cinquenta Tons de Cinza , cujo fim de semana de estreia arrecadou 93 milhões de dólares em 2015.

No universo de super-heróis, o longa também fez bonito.

A história da heroína interpretada por Gal Gadot estreou com números superiores a filmes como Homem de Ferro (US$ 98 milhões), Dr. Estranho (US$ 85 milhões) e Thor (US$ 65,7 milhões).

No Brasil, o título já arrecadou US$ 1 milhão, cerca de R$ 3,4 milhões.

Mulher Maravilha só derrapou na comparação com outros filmes do Universo Estendido da DC, pois não chegou perto de Batman vs. Superman: Origem da Justiça, líder do ranking com US$ 166 milhões de arrecadação.

Filme que aborda a origem da Princesa Amazona, Mulher Maravilha tem no elenco, além de Gal Gadot, Connie Nielsen (Rainha Hipólita) Chris Pine (Steve Trev), Robin Wright (Antiope), Elena Anaya (Doutora Veneno) e Lucy Davis (Etta Candy).

Leia a crítica publicada sobre o filme aqui HuffPost Brasil.

Assista ao trailer:

LEIA MAIS:

- É claro que a 'Mulher Maravilha' é feminista

- Como a Mulher-Maravilha se tornou um símbolo feminista

Gal Gadot: a Mulher Maravilha fora da ficção